Quem Somos

O Sindicato da Indústria do Vinho de São Roque – SINDUSVINHO nasceu da visão empreendedora de proprietários rurais que em 1936 em assembleia fundaram o Sindicato dos Fabricantes de Vinho de São Paulo, foi eleita a primeira diretoria, presidida por Mário Pinto Duarte. A qualidade das terras são-roquenses para o cultivo de uvas mostrava-se apropriada à produção do vinho, muito parecido com aquele que eles próprios estavam acostumados a fazer na Itália e em Portugal, de onde tinham emigrado. A Europa enfrentava a II Guerra Mundial e isso fazia reacender nestes imigrantes o desejo de prosperar no Brasil, numa cidade de clima parecido com o da terra natal e capaz de produzir bom vinho de mesa.

Apenas quatro meses depois – em 05/01/1937 – já estava afiliado à Federação dos Sindicatos Patronais da Indústria de São Paulo, hoje denominada FIESP.

A mudança do nome para Sindicato da Indústria do Vinho de São Roque – SINDUSVINHO se deu em 30/03/1941, para adequar-se ao Decreto Lei 1402, de 05/07/1939, regulador das entidades de classe.

Em 1942, São Roque era palco da primeira Festa do Vinho de sua história e em 1952 o vinho da cidade já se propagava para muito além das fronteiras da cidade. Por 35 anos, as histórias do Sindicato e da Festa do Vinho confundiram-se com a da própria cidade de São Roque que hoje é nacionalmente conhecida como a Terra do Vinho. Foi um período de grande impulso ao setor vinícola, embalado pelo aumento da produção e da fama crescente. Em 1969,  vinicultores dividiam a produção de 8 a 12 milhões de litros de vinho por ano.

Hoje o SINDUSVINHO é uma entidade de renome nacional e tem entre seus associados importantes indústrias do setor vitivinícola.

O sindicato foi um importante precursor que transformou a cidade de São Roque em um dos principais roteiros de enoturismo do país, conhecido como Roteiro do Vinho e organizador da Expo São Roque – Vinhos e Alcachofras, maior evento enogastronômico da região.