Arrecadação de outubro foi de R$ 135 bilhões, afirma secretário da Receita Federal

Secretário falou durante reunião da Comissão de Finanças da Câmara dos Deputados. Em setembro, a arrecadação somou R$ 113,933 bilhões.
O secretário da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto, afirmou nesta quarta-feira (20) que a arrecadação de impostos, contribuições e demais receitas federais de outubro foi de cerca de R$ 135 bilhões.
Em outubro de 2018, a arrecadação foi de R$ 131,8 bilhões. Já em setembro de 2019, a arrecadação foi de R$ 113,933 bilhões.
A afirmação foi dada durante reunião da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados para discutir as novas diretrizes do trabalho da Receita.
Reforma tributária
Durante a reunião da comissão, Tostes afirmou que todas as duas propostas de emenda à Constituição (PEC) que tratam da Reforma Tributária – uma na Câmara e outra no Senado – tem pontos positivos e interessantes que contribuirão para o debate.
“Todas as duas têm pontos positivos que achamos importante serem aproveitados no modelo final que será construído”, afirmou.
Tostes afirmou que a Reforma Tributária é uma prioridade e será encaminhada ao Congresso Nacional ainda este ano.
Imposto sobre transação financeira
Durante a reunião da comissão, Tostes afirmou que o governo apresentará nenhuma proposta sobre imposto de transação financeira parecido com a Contribuição Provisória Sobre Movimentação Financeira (CPMF).
“Com relação ao imposto de transação financeira, certamente isso será discutido no Congresso, mas isso não constará da proposta do governo”, afirmou Tostes aos deputados.
Fonte: https://g1.globo.com/economia/