imagem google

Skaf: ‘Único meio de transformar um país é a educação. E isso não se faz sem educadores’

Presidente da Fiesp abre aula inaugural de curso para gestores de escolas públicas. Iniciativa tem parceria da Firjan e dos governos de SP e RJ

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1575583831

Presidente da Fiesp/Sesi/Senai-SP, Paulo Skaf, ressalta a importância dos educadores durante aula inaugural do MBA em Gestão Empreendedora - Educação

A criação do MBA em Gestão Empreendedora – Educação é uma contribuição da indústria para melhorar a educação brasileira, segundo o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf.

Skaf participou nesta quarta-feira (13/06), na sede da entidade, da aula inaugural do curso de especialização lato sensu, iniciativa da Fiesp e do Sistema Firjan, em parceria com os governos dos Estados de São Paulo e do Rio de Janeiro. O objetivo é o de qualificar 4.400 gestores das escolas públicas de educação básica nas duas unidades da federação.

“Num país desenvolvido para valer, a grande autoridade é o professor. O único meio de transformar um país é a educação. E isso não se faz sem educadores. Que o curso [MBA em Gestão Empreendedora – Educação] possa realmente contribuir para que a gente melhore cada vez mais o nosso ensino público”, afirmou Skaf aos cerca de 120 educadores que participam do primeiro módulo do curso.

O programa educacional será oferecido na modalidade semipresencial (EAD). Cada turma terá carga horária correspondente a 360 horas distribuídas em 18 meses de duração. A meta é formar, nos próximos cinco anos, 3.200 educadores em São Paulo e outros 1.200 no Rio.

A iniciativa contabiliza investimentos totais de R$ 41,6 milhões – R$ 32 milhões aportados pela indústria paulista e R$ 9,6 milhões pela do Rio de Janeiro. O convênio para a viabilização do curso foi assinado entre a Fiesp, a Firjan e as secretarias estaduais de Educação dos dois Estados em abril último.

A aula inaugural contou com a presença do diretor operacional do Serviço Nacional de Aprendizagem de São Paulo (Senai-SP) e superintendente operacional do Serviço Social da Indústria (Sesi-SP), Walter Vicioni Gonçalves; do secretário-adjunto de Educação do Estado de São Paulo, João Cardoso Palma Filho; da professora Esther Hermes Luck, da Universidade Federal Fluminense (UFF), instituição responsável pela coordenação do MBA; e do maestro João Carlos Martins, regente da Filarmônica Bachiana Sesi-SP, convidado especial do presidente da Fiesp, Paulo Skaf.