imagem google

Setor precisa crescer tecnologicamente, destaca presidente do Conselho Superior da Construção da Fiesp na feira Concrete Show

Do Observatório da Construção

Na abertura da edição 2013 da Concrete Show, na manhã de quarta-feira (28/08), no Centro de Exposições Imigrantes, o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e presidente do Conselho Superior da Indústria da Construção (Consic), José Carlos de Oliveira Lima, ressaltou que o setor precisa crescer tecnologicamente.

“Estamos em um momento muito antigo de construção. O setor precisa ser mais automatizado e atualizado em tecnologia. E a Concrete show vai oferecer tudo isso durante esses três dias de feira”, disse Oliveira Lima.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1614693498

José Carlos de Oliveira Lima, presidente do Consic. Foto: Divulgação


O presidente do Consic representou Paulo Skaf, o presidente da Fiesp, na solenidade, que teve a participação da secretária nacional da Habitação, Inês Magalhães, e do secretário estadual da Habitação, Silvio Torres.

De acordo com Oliveira Lima, a Concrete Show tem tradição de contribuir para o desenvolvimento tecnológico do setor ao promover o encontro entre empresas brasileiras e mundiais.

“A Concrete Show se tornou o ícone da cadeia produtiva da indústria da construção civil e do concreto, sendo um evento importante para todo o setor de produtos de cimento, equipamentos, entre outros”, disse o presidente do Consic.

De acordo com Inês Magalhães, a Concrete Show tem se consolidado como um evento que oferece soluções para o setor do concreto. ”O entusiasmo insuperável do Dr. Jose Carlos [Oliveira Lima] traz um componente importante para nossa reflexão: o Brasil hoje enfrenta uma expansão da sua infraestrutura, que não tem retorno, mas tem se tornado um importante pilar para a consolidação num processo de desenvolvimento.”

Em seu discurso, Silvio Torres falou sobre a importância de investimentos no país. “Mais uma vez a Concrete Show dará a sua contribuição para motivar os empresários a continuar investindo no Brasil, que ainda precisa de muitos investimentos em infraestrutura e tecnologia”, assinalou.

“Empresários, acreditem no Brasil”, completou, acrescentando que o setor da construção, mesmo em cenário mundial de retração, “ainda alavanca a economia, gerando mais empregos para o país”.

Neste ano, o espaço destinado ao projeto “Mulheres que constroem” ganhou uma área maior.

Participaram do evento o deputado estadual e presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de São Paulo (Sintracon-SP), Antonio Ramalho; o deputado estadual Itamar Borges; o presidente da Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), Renato Giusti; o presidente da Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Concretagem (Abesc), Arcindo Vaquero; e a diretora da UBM (empresa que promove a feira), Claudia Godoy.