imagem google

Sesi-SP Editora lança ‘Leonardo da Vinci: a natureza e a invenção’

Obra apresenta as criações artísticas e técnicas do mestre da Renascença e mostra como a observação da natureza era uma aliada na idealização de seus projetos

Agência Indusnet Fiesp

A observação minuciosa da natureza fez parte do método de trabalho de Leonardo da Vinci e esteve sempre presente na origem de suas criações artísticas e técnicas. Ele é o exemplo acabado da curiosidade e da imaginação transdisciplinar que marcaram o pensamento renascentista e que, por isso, o aproximam do pensamento contemporâneo.

Esta obra que a Sesi-SP Editora acaba de lançar foi, originalmente, publicada em francês, em 2012, em Paris, e integrou uma série de eventos paralelos à exposição que, então, teve o título de “Leonardo da Vinci, projetos, desenhos, máquinas”. O Sesi-SP também traz ao Brasil a exposição que, na versão apresentada em São Paulo, chama-se “Leonardo da Vinci: a natureza da invenção”.

Na maioria dos ensaios que constam deste livro, a ênfase é dada aos seus estudos técnicos e científicos, embora suas inovações na pintura e no desenho também estejam presentes. Outra parte importante mostra como Leonardo da Vinci partia da observação da natureza para idealizar seus projetos em todas as áreas. Enfim, podemos ver aqui o rico universo em que ele atuou, em que os territórios da arte, da ciência e da técnica se articulam em constante interação.

Como contraponto, o livro apresenta aplicações científicas recentes, ainda experimentais, que também tentam reproduzir fenômenos ou estados da natureza. À sua maneira, Leonardo foi um pioneiro da disciplina que apareceu nos anos 1960 com o nome de bioinspiração ou biomimetismo.

Não tinha limites o pensamento criador de Leonardo. Inovou a técnica pictórica, com a introdução do sfumato. Projetou edifícios, máquinas de guerra, máquinas hidráulicas, máquinas para voar, máquinas de efeitos especiais para teatro, robôs, etc. E também criou modelos de urbanismo, com a sua città ideale, a cidade ideal. Particularmente, suas invenções, descritas e desenhadas nos famosos cadernos e manuscritos, fazem dele um dos maiores engenheiros e humanistas da Renascença.

Tanto a exposição quanto este livro são realizações da Universcience, em parceria com o Museo Nazionale della Scienza e della Tecnologia Leonardo da Vinci (MUST) de Milão, com participação do EADS (European Aeronautic Defense and Space Company) e do Deutsches Museum de Munique.

Sobre o livro “Leonardo da Vinci: A natureza e a invenção”
Organizadores: Patrick Boucheron e Claudio Giorgione
Número de páginas: 224
Capa: brochura
Formato: 20,25 cm x 24,7 cm

Sobre a Sesi-SP Editora e a Senai-SP Editora
Criadas em sintonia com a missão do Senai-SP e do Sesi-SP de difundir o conhecimento e a cultura, as editoras têm a proposta de preencher uma lacuna editorial existente nas diversas áreas de educação e ensino profissionalizante em que o Senai-SP atua, e busca difundir, de forma planejada e sistematizada, o conhecimento produzido pelo Sesi-SP nas áreas de cultura, educação, esporte, nutrição, entre outras, assim como identificar oportunidades que possam contribuir para o enriquecimento dessas áreas. Desde sua criação, em 2011, as duas editoras já publicaram mais de 220 títulos.