imagem google

Revista Veja traz entrevista com presidente da Fiesp

Nas “páginas amarelas”, Benjamin Steinbruch fala sobre a crise e as dificuldades da indústria

Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1571867794

Foto: Reprodução.

Espaço tradicional de entrevistas, as Páginas Amarelas da Veja trazem na edição 2389 (3 de setembro) uma conversa com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Benjamin Steinbruch.

Nas três páginas de entrevista, Steinbruch fala sobre a crise e as dificuldades da indústria, e também explica por que “só um louco” investe no Brasil, frase dita durante o Congresso Brasileiro do setor de aço.

“O Brasil hoje é um país caro. Quando se compara o custo do Brasil com o de qualquer outro país, aqui é pelo menos o dobro”, diz Steinbruch na entrevista.

Segundo ele, o governo não está ouvindo os alertas dos empresários. “Se você perguntar hoje qual a política industrial brasileira, duvido que alguém saiba responder.”

De acordo com Steinbruch,  se não houver reformas imediatamente após a eleição – política, fiscal trabalhista – o país não vai sair do lugar. “O Brasil ainda vive um bom momento. Se for comparado com outros países, está melhor do que muitos. Mas o risco deixou de ser o Brasil não crescer 1%. O risco agora é ele regredir.”