imagem google

Retrospectiva 2013 – Sustentabilidade cada vez mais no dia a dia da indústria

Comitê de Responsabilidade Social da Fiesp inspira empresas a trabalhar com foco na inclusão

Ariett Gouveia, Agência Indusnet Fiesp

O ano de 2013 foi marcado, por mudanças na gestão do Comitê de Responsabilidade Social (Cores) da Fiesp. O principal foco de Comitê, criado em 2004, continuou a ser o de disseminar o conceito de Responsabilidade Social Corporativa nas indústrias paulistas e estimular a adoção desta forma de gestão para o crescimento, a competitividade e a perenidade das empresas, com o desenvolvimento sustentável da sociedade.

A reunião conjunta do Consocial, Conjur e Cosema: responsabilidade social. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Em reunião conjunta do Consocial, Conjur e Cosema, especialistas debatem a debatem ISO 26000. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Sob a liderança do novo diretor titular, o empresário e economista Nilton Torres de Bastos, foram formados grupos de trabalho baseados nos temas da Norma Internacional de Responsabilidade Social ISO 26000, meio ambiente, gestão e governança, práticas de trabalho, envolvimento e desenvolvimento da comunidade, direitos humanos, práticas leais de operação (temas relacionado à corrupção) e questões relativas ao consumidor. Uma das metas para 2014 é fortalecer esses grupos e ampliar a discussão os temas para discussão.

Na opinião de Nilton Bastos, o reflexo dessa nova visão empresarial é extremamente positivo: “As empresas que instituíram pelo menos três políticas de responsabilidade social tiveram taxa de retorno superior, patrimônio valorizado e melhor desempenho em períodos de crise no mercado e na bolsa”, afirmou.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1569318246

Boletim Sustentabilidade Fiesp, novo veículo de divulgação do Cores/Fiesp

Ao longo do ano, o Cores tratou temas como a gestão responsável para sustentabilidade, a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e a educação de jovens para o mundo do trabalho.

Outra grande novidade foi a criação de um boletim informativo mensal, lançado em agosto. Com média de 3 mil envios por edição, o material mostra os benefícios e  os da gestão voltada para a responsabilidade social. Cases de sucesso, orientações de especialistas das áreas e informações de boas práticas são notícia no Boletim do Cores.

O próximo passo é envolver outros departamentos da Fiesp e tornar o boletim, cada vez mais, uma fonte de inspiração para empresários.

Jornada pela Sustentabilidade

Em parceria com o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), a Fiesp promoveu, em 2013, a “Jornada da Indústria pela Sustentabilidade. Com a participação de mais de 600 empresários, nas edições em São Paulo e Campinas, o evento buscou apresentar ferramentas de gestão socialmente responsável, principalmente para as micro, pequenas e médias indústrias, e estimular a adoção dessas práticas.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1569318246

O diretor-titular do Cores da Fiesp, Nilton Bastos, no Jornada da Indústria pela Sustentabilidade, em setembro. Foto: Helcio Nagamine/FIESP

Para o ano de 2014, a meta é levar a Jornada da Indústria pela Sustentabilidade para outras cidades do estado, além de desenvolver um segundo módulo para as pessoas que já participaram da primeira edição.

Outro evento de sucesso em 2013 foi a comemoração dos 22 Anos da Lei de Cotas no Brasil, feito em conjunto com o Departamento de Ação Regional (Depar). Ciente das dificuldades que a indústria tem para cumprir a lei (que envolve uma série de fatores, como a falta de mão-de-obra), o evento buscou esclarecer questões e estreitar o diálogo com o poder público e a sociedade.

Indústria promovendo inclusão social

A indústria paulista, no ano de 2013, comprovou a importância do seu papel social, por meio da atuação dos seus braços sociais: Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-SP).

Loures fez a abertura oficial do lançamento e Seminário da 5ª Edição do Prêmio ODM Brasil. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Secretário executivo do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade, Rodrigo Loures, lança Prêmio ODM Brasil, na Fiesp; Foto: Helcio Nagamine/FIESP

Com apoio da Fiesp, foram realizados os eventos como o Sesi-SP Cidadania em várias cidades, oferecendo gratuitamente à população serviços de cidadania, saúde e qualidade de vida, e o lançamento do Prêmio ODM – Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, em parceria com a Secretaria-Geral da Presidência da República, Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

A Fiesp articulou também parcerias para oferecer cursos profissionalizantes do Senai-SP às pessoas em situação de risco social.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1569318246

Aula inaugural no Senai Ipiranga: oportunidade para entrar no mercado de trabalho. Foto: Julia Moraes/Fiesp

Em junho foi firmado acordo com a Prefeitura de São Paulo, para capacitar moradores de rua na capital paulista.

Em setembro, deu-se início a capacitação de egressos do sistema prisional para o setor da panificação. A iniciativa é fruto da parceria da Fiesp, AfroReggae, Senai-SP e Sindipan-SP.



Atuação internacional

Imagem relacionada a matéria - Id: 1569318246

Reunião com delegação coreana, na Fiesp. Foto: Everton Amaro/FIESP

Ao longo do ano, o Cores recebeu delegações internacionais interessadas em conhecer o trabalho da Fiesp na área de sustentabilidade.

Em fevereiro, o comitê recebeu representantes da Women Business Association (WBA), organização internacional que atua na promoção de oportunidades e apoio ao crescimento das mulheres nos negócios. Em abril, o encontro aconteceu com duas organizações coreanas, a Witeck (Women in Science, Engineering and Technology in Korea) e a Associação Economia Verde Brasil – Coreia (Korea Brazil Green Economic Association). Em agosto, o Cores participou de uma reunião com o Cônsul Geral do Chile em São Paulo, Hermán Bascuñan, e o presidente da Fundação América Solidária, Benito Baranda.