imagem google

Retrospectiva 2012 – Elaboração do Compete Brasil, estudo entregue ao governo, foi o principal fato do ano

Veja um resumo da atuação da Fiesp no setor de construção

10º Construbusiness - José Carlos de Oliveira Lima. Foto: Everton Amaro

José Carlos de Oliveira Lima. Foto: Everton Amaro

A realização da décima edição do Construbusiness foi o principal acontecimento do ano de 2012 na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Lançado em agosto, na sede da Fiesp, o evento foi realizado em 03/12 na sede da entidade e teve como tema “Competitividade na Cadeia Produtiva da Indústria da Construção – Brasil 2022: Planejar, Construir, Crescer”.

10º Construbusiness - Michel Temer, vice-presidente da República. Foto: Everton Amaro

Michel Temer, vice-presidente da República, participa do 10º Construbusiness. Foto: Everton Amaro

O evento contou com a presença do vice-presidente da República, Michel Temer; do secretário de Habitação do Estado de São Paulo, Silvio Torres; do ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro; da secretária nacional da Habitação do Ministério das Cidades, Inês Magalhães; da chefe da Assessoria Econômica do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Esther Dweck; e do gerente de projetos do Ministério do Esporte, Elder Vieira.

Durante a abertura do evento, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf,  pediu maior sinergia entre governos e iniciativa privada e entregou o caderno técnico com as propostas do 10º Construbusiness – Congresso Brasileiro da Construção 2012, para Michel Temer e Aguinaldo Ribeiro.

O documento é um programa completo, chamado Compete Brasil, que oferece soluções em Planejamento e Gestão; Aspectos Institucionais e Segurança Jurídica; Funding; Mão de Obra; Impactos Tributários e Custos Produtivos, além de Sustentabilidade.

10º Construbusiness - Paulo Skaf. Foto: Junior Ruiz

Paulo Skaf durante o 10º Construbusiness. Foto: Junior Ruiz

O estudo foi detalhado durante o evento pela diretora da consultoria LCA, Claudia Viegas, que destacou que a indústria a construção é dos grandes expoentes da economia brasileira, responsável por 8% do Produto Interno Bruto (PIB) do país. Além disso, ela ressaltou que o setor é o 4º maior gerador de empregos e contabilizou um crescimento de 101% de trabalhadores formais no período de 2005 a 2010.

Na manhã seguinte ao Construbusiness 2012, o governo federal anunciou desoneração e outros estímulos para a construção civil.

Outros eventos

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

Estande do Senai-SP na Feicon/Batimat

No mês de março, a Fiesp participou da 20ª edição da Feicon Batimat, maior salão internacional do setor de construção na América Latina,  com um estande de 140 m² no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo, onde apresentou os principais resultados obtidos pelo Congresso Brasileiro da Construção 2010 e o Senai-SP ministrou 19 palestras gratuitas na área da construção civil.

Em evento paralelo à Feicon Batimat, a III Conferência Internacional Processo Aqua, o vice-presidente da Fiesp, José Carlos de Oliveira Lima, e o diretor do Departamento Jurídico (Dejur) da entidade, Hélcio Honda, palestraram sobre as oportunidades de investimentos em habitação e infraestrutura para o crescimento sustentável nos dez anos seguintes e sobre a segurança jurídica dos investimentos sustentáveis no Brasil.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

José Roberto Bernasconi, presidente regional do Sinaenco e membro do Consic/Fiesp

Em visita à Fiesp, o presidente do Sindicato Nacional de Arquitetura e Engenharia Consultiva (Sinaenco), José Roberto Bernasconi, avaliou que solução para acelerar obras da Copa seria “planejar investimentos”.

O vice-presidente da Fiesp , José Carlos de Oliveira Lima, participou, em maio, de um encontro com mais de 45 empresários  americanos do setor de construção civil, no Consulado do Brasil em Nova York, que demonstraram grande interesse com oportunidades de investimentos no Brasil.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

Ministro das Cidades Aguinaldo Ribeiro, durante reunião do Consic na Fiesp

O ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, participou da reunião do Conselho Superior da Indústria da Construção (Consic) da Fiesp, em maio, para discutir a participação do ministério no desenvolvimento da construção civil no Brasil. Na ocasião, Ribeiro anunciou que o governo federal criaria, ainda este ano, um grupo de estudos para viabilizar a modernização da Lei 8666/1993, a qual estabelece normas gerais para licitação de obras que façam uso de verbas públicas.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

Paulo Skaf recebe empresários paulistas do setor da construção no Humanidade 2012. Foto: Junior Ruiz

Em junho, uma comitiva de 25 empresários paulistas do setor da construção civil visitou o Humanidade 2012. A visita foi organizada pelo diretor-titular do Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) da Fiesp, José Carlos de Oliveira Lima. Após percorrerem o circuito, os empresários foram recebidos pelo presidente da federação, Paulo Skaf.

O presidente do comitê organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, esteve na Fiesp para um encontro com empresários onde apresentou oportunidades de negócios e possibilidades de patrocínio durante a preparação para o evento. Segundo Nuzman, a expectativa é de que o evento proporcione uma receita de US$ 11 bilhões para economia nacional, além da geração de 90 mil postos de trabalho.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

Carlos Arthur Nuzman. Foto: Everton Amaro

Na ocasião, Paulo Skaf avaliou que os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio-2016 representam uma excelente oportunidade para o Brasil apresentar ao mundo sua cultura, desenvolvimento tecnológico e os projetos na área de inovação.

O I Congresso Internacional do Instituto Brasileiro de Direito da Construção (IBDiC) aconteceu em agosto, na sede da entidade, em parceria com a Câmara de Conciliação, Mediação e Arbitragem Ciesp/Fiesp e teve como objetivo debater temas que vão além da área jurídica, passando por aspectos técnicos e econômicos. Na abertura do evento, o presidente do IBDiC, Fernando Marcondes, afirmou que o judiciário não é capaz de resolver os problemas com celeridade alinhada às demandas do setor de construção.

O evento abordou o tema da mediação, que, segundo palestrantes é a melhor solução para contratos da construção; e contou com a participação do presidente do Conselho Consultivo do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo (Secovi-SP), João Batista Crestana.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

José Carlos de Oliveira Lima no Concrete Show South America 2012. Foto: Everton Amaro

O vice-presidente da Fiesp, José Carlos de Oliveira Lima, participou da abertura da Concrete Show 2012, maior feira do setor na América Latina. “Este setor é importante, pois representa a base de toda a construção. E hoje a indústria de cimento merece nossos elogios porque se organizou, melhorou tecnologicamente e conseguiu reunir toda a cadeia do cimento”, analisou.

A reunião de setembro do Consic da Fiesp, que contou com a participação do presidente do IBDiC, Fernando Marcondes, apresentou a instituição aos conselheiros e empresários do setor.

Já a reunião de outubro teve como convidado o presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, Carlos Arthur Nuzman, que ressaltou números do evento programado para 2016 na cidade do Rio de Janeiro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576501114

Reuni‹ão do Conselho Superior da Indústria da Construção (Consic). Foto: Julia Moraes

Na ocasião, o presidente do Conselho, José Carlos de Oliveira Lima, foi homenageado com uma placa comemorativa pelas realizações e resultados conquistados à frente do Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) da entidade.

Em outubro, o Teatro do Sesi-SP foi palco da cerimônia de entrega do Prêmio MasterInstal. O projeto, que conta com apoio institucional da Fiesp e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), valoriza as melhores práticas aplicadas na direção da qualidade conformidade e eficiência das instalações das edificações. Foram entregues troféus ouro, prata e bronze para as empresas vencedoras da 7ª edição do evento.