imagem google

Prefeitos do Vale do Paraíba e Litoral Norte aprovam Câmara Temática de Mineração; iniciativa é ‘extremamente positiva’, comenta diretor da Fiesp


Câmara irá desenvolver propostas que harmonizem a exploração mineral, com o desenvolvimento econômico e a sustentabilidade regional, analisa Carlos Eduardo Pedrosa Auricchio

Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1563224091

Carlos Eduardo Pedrosa Auricchio. Foto: Everton Amaro/Fiesp (arquivo)

O Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte, composto por 39 prefeitos e vários representantes de secretarias de Estado, decidiu criar a Câmara Temática de Mineração, para tratar da exploração mineral nesta região.  A Câmara será coordenada pela Subsecretaria de Mineração da Secretaria de Estado de Energia de São Paulo.

A medida mereceu elogios do coordenador-adjunto do Comitê da Cadeia Produtiva da Mineração (Comin) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Carlos Eduardo Pedrosa Auricchio.

“A Câmara Temática irá desenvolver propostas que harmonizem a exploração mineral, com o desenvolvimento econômico e a sustentabilidade regional. Para nós, mineradores da região, trata-se de uma iniciativa extremamente positiva, pois nela serão debatidas as questões da extração mineral, sem os preconceitos que muitas vezes nos têm prejudicado”, avaliou nesta quinta-feira (26/09) Pedrosa Auricchio, também diretor titular do Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) .

A proposta foi lançada pelo subsecretário de Mineração, José Fernando Bruno, que representou o secretário de Energia, José Aníbal, durante a 7ª Reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região. No encontro, foi assinada a Resolução Conjunta com a Secretaria de Desenvolvimento Metropolitano.

O protocolo de intenções que cria a Câmara permitirá que as secretarias atuem juntas para aperfeiçoar processos que visem o desenvolvimento regional, no setor de mineração.

“Nossa expectativa é de podermos participar ativamente dos trabalhos da Câmara Temática, dando a nossa contribuição ao atingimento dos seus objetivos”, disse Auricchio.