imagem google

Paulo Skaf formaliza doação de terreno para nova escola do Senai-SP em Jaú

Unidade deverá ser concluída em dois anos e meio e terá capacidade de matricular 8.000 alunos por ano, dobrando a capacidade atual

Alex de Souza/Gabrielle Nascimento, Agência Indusnet Fiesp

Depois de concluída, daqui a dois anos e meio, a nova escola do Senai que será construída em Jaú terá capacidade de matricular 8.000 alunos por ano, o dobro do número atual. “Vamos investir R$ 52 milhões neste local, entre obras e equipamentos, para ter uma unidade nova do Senai-SP, um prédio com dois pavimentos, comparável às melhores escolas do mundo em suas áreas de atuação”, disse na manhã de sexta-feira (3/12) o presidente da Fiesp e do Senai-SP, Paulo Skaf, no terreno doado pela Prefeitura Municipal.

A solenidade de assinatura da escritura do terreno foi realizada no próprio local, na esquina das ruas Lions Club com a Santa Mônica. Em atividade desde 1980 no município, a atual escola do Senai-SP em Jaú funciona em espaço da prefeitura. O terreno doado pelo poder público tem 10 mil metros quadrados e o projeto arquitetônico prevê 8.500 metros quadrados de área construída. “Nossas entidades trabalham sempre dentro da lei, e esta área está toda legalizada e apta para receber o investimento da indústria de São Paulo”, enfatizou Skaf.

O prefeito Ivan Cassaro, por sua vez, agradeceu e afirmou ser um momento histórico para a cidade. “Há muitos anos aguardávamos essa obra de tanta importância para nossa população. Por meio dessa nova unidade conseguiremos capacitar muitos profissionais de várias categorias. É isso que o Brasil necessita: gerar empregos. E graças a ajuda do Skaf, que entendeu a necessidade de nossa cidade e em pouco tempo autorizou a obra, essa nova escola começa a sair do papel para se tornar uma realidade”, comemorou o prefeito.

O Senai de Jaú oferece cursos de diversas áreas tecnológicas, como Calçados, Logística, Tecnologia da Informação, Eletroeletrônica, Metalmecânica, Metalurgia e Automotiva.  A unidade é destaque na formação de profissionais no setor Metalmecânico de Manutenção e Produção para atender a demanda da indústria do setor sucroenergético, visto que há cinco usinas de produção de álcool na região.

A cidade é um dos principais polos de produção de calçados femininos do Brasil e o Senai-SP atua fortemente no setor com ofertas de cursos de curta e longa duração, para quem quer entrar no mercado de trabalho e se manter atualizado. Já o Núcleo de Tecnologia em Logística e Inovação, em fase de implantação, atua com prestação de serviços tecnológicos em áreas como Lean Manufacturing, Logística e Transformação Digital, promovendo a melhoria da competitividade da indústria calçadista.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1642633677

Em terreno de 10 mil metros quadrados doado pela Prefeitura, nova unidade do Senai-SP em Jaú terá dois pavimentos e 8.500 metros quadrados de área construída. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp