imagem google

Para empreender é preciso buscar conhecimento e formação. O esporte também pode fazer diferença

O esporte é ferramenta fundamental para a formação do ser humano. As empresas enxergam o marketing esportivo além do patrocínio pelos resultados positivos que geram

Alex de Souza, Agência Indusnet Fiesp

Durante a juventude, o fundador do Projeto Viela, filho de mineiros que vieram para São Paulo em busca de uma vida melhor, se envolveu com as drogas e parou de estudar. Graças ao trabalho de um projeto social, Anderson “Buiu” conseguiu recuperar a possibilidade de sonhar e mudou a sua vida.

Sua experiência positiva o motivou a criar seu próprio projeto, chamado Viela, Letras e Livros, hoje apenas Projeto Viela, que emprega 15 colaboradores e atua com esporte, educação e cultura, além de disponibilizar uma frente de formação de jovens para ter novas oportunidades.

Sobre empreendedorismo, Buiu afirma que o que falta para as pessoas da comunidade é “buscar se especializar, buscar formação, conhecimento. Sem isso não é possível empreender. Eu tive de fazer isso, tive de buscar novos horizontes para poder avançar, progredir”. Ele convidou as empresas que querem fazer a diferença e ajudar a incluir socialmente a conhecerem o projeto. “O [Projeto] Viela está aberto para fazer a ponte entre elas e os jovens da periferia. As ações sociais contribuem para a desenvolvimento de todos”.


Imagem relacionada a matéria - Id: 1632096439

No Festival de Empreendedorismo da Fiesp, Buiu afirma que o que falta às pessoas da comunidade é “buscar se especializar, buscar formação, conhecimento”. Fotos: Ayrton Vignola/Fiesp

Ex-atleta, Pedro Benedito Batista Júnior, diretor executivo da Prevent Senior, sabe a importância do esporte e enxerga o marketing esportivo como algo que vai além do patrocínio. “Não colocamos a marca apenas, mas oferecemos os serviços aos atletas e nos envolvemos com eles, o que surtiu efeitos positivos nos resultados que eles obtiveram em suas competições”, disse.

Ele enxerga o esporte como ferramenta fundamental para a formação do ser humano, mas que deve ter incentivo desde o início da vida. “A prática esportiva proporciona mais saúde e longevidade. Isso não ocorre por acaso. Esporte é saúde”, afirmou Batista, dizendo que suas ações não são mera propagada, mas um investimento que pode mudar a vida das pessoas.

O diretor institucional da XP, Rafael Furlanetti, entende que a Humanidade está entrando em um novo momento. “Não se trata apenas de ser empresas socialmente responsáveis. É necessário ir adiante. Isso não será apenas um diferencial, mas uma exigência. Isso inclui o incentivo ao esporte também”, explicou.

Diversidade, inclusão e sustentabilidade funcionam e proporcionam diversos benefícios para as empresas e para a sociedade. “A XP já teve diversas ações de patrocínio a esportistas, pois isso está em nosso DNA. As companhias não podem se fechar. Existem oportunidades de troca de experiências e de ganhos para todos”, disse Furlanetti.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1632096439

No Festival de Empreendedorismo da Fiesp, o ex-atleta Pedro Benedito Batista Júnior, diretor executivo da Prevent Senior, frisou a importância do esporte do marketing esportivo