imagem google

No Dia Mundial do Rim, Fiesp oferece testes gratuitos e orientações sobre saúde renal

Quem passou pela avenida Paulista na última quinta-feira (12/3) teve a chance de verificar a quantidade de açúcar no sangue e passou por avaliação da pressão arterial

Mariana Soares, Agência Indusnet Fiesp

A segunda quinta-feira do mês de março (12/3) foi marcada pelas ações do Dia Mundial do Rim, campanha global de conscientização sobre a importância desse órgão vital. Foi pensando em reforçar esse trabalho que a Fiesp, em parceria com a Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), realizou o +Saúde: Dia Mundial do Rim. Durante todo o dia, a população que circulou pela avenida Paulista pôde realizar, gratuitamente, testes gratuitos, como o de glicemia e pressão arterial, além de receber instruções de como manter o rim saudável.

Só no Brasil, mais de 120 mil indivíduos são doentes renais crônicos e dependem de tratamento dialítico para manter uma vida próxima do normal. Muitas das doenças que acometem os rins são silenciosas ou têm sintomas que se confundem com outros problemas de saúde, e a falta de acompanhamento da saúde renal pode resultar em diagnóstico tardio, quando normalmente o órgão já está gravemente acometido. A fila para o transplante já alcança a faixa de 30 mil pessoas.

Apesar de silenciosos, os rins são órgãos que desempenham um papel vital para o pleno funcionamento do organismo. Sua principal e mais conhecida função é a filtragem de substâncias tóxicas do corpo, porém o órgão faz muito mais do que isso. Graças a ele, é possível manter o equilíbrio entre os minerais do organismo (como sódio e potássio), regular o pH do sangue, equilibrar o volume líquido do corpo e produzir hormônios e substâncias benéficas para o organismo, como a vitamina D.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1600984224

Especialista afirma ser necessário fazer exames de sangue e urina periodicamente, de preferência, uma vez ao ano. Foto: Karim Khan/Fiesp

A médica nefrologista Geovana Basso, membro titular da SBN, reforçou que a hipertensão arterial e o diabetes mellitus são as principais causas das enfermidades nos rins e falou sobre alguns dos cuidados que as pessoas precisam ter para prevenir doenças renais. “É preciso fazer exames de sangue e urina periodicamente, de preferência, uma vez ao ano. Além disso, evitar ingerir bebida alcoólica, não fumar e se alimentar de forma equilibrada”, alerta.

O professor de matemática Edson da Silva fez questão de dar uma parada no seu percurso para realizar os testes de glicemia e a avaliação da pressão arterial durante o +Saúde, da Fiesp. No último mês de dezembro, o docente venceu um infarto e, de lá pra cá, vem falando para todos da importância de priorizar a saúde. “Quando vi a ação aqui, na frente da Fiesp, não pensei duas vezes em alterar o meu trajeto. Estou com tudo normal, mas passei um susto. Iniciativas como esta possibilitam que as pessoas possam estar de olho na saúde, o que pode ser o começo de um tratamento importante”, completa.

Mais informações, é possível acessar o site: https://www.reumatologia.org.br/

Imagem relacionada a matéria - Id: 1600984224

Evento incluiu testes gratuitos, como o de glicemia e pressão arterial. Foto: Karim Khan/Fiesp