imagem google

Irreconhecível, vôlei feminino do Brasil perde para a Coreia do Sul

Equipe é derrotada por 3 a 0 e precisa vencer China e Sérvia para classificar-se sem depender de outros resultados

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1600637752

Campeãs olímpicas precisam de duas vitórias para seguir adiante nos Jogos

Ficou difícil. Depois de perder para os Estados Unidos na segunda-feira (30/07), a seleção brasileira de vôlei feminino teve novo revés na noite desta quarta-feira (01/08) — desta vez para a Coreia do Sul, por 3 sets a 0 (25/23, 25/21 e 25/21) ― e ficou em situação complicada para a conquista de uma vaga nas quartas de final dos Jogos Olímpicos de Londres.

Para ter chances de classificação sem depender de outros resultados, as meninas do Brasil precisam vencer os dois jogos restantes pelo Grupo B: China (sexta, 03/08) e Sérvia (05/08).

Com uma atuação que em pouco lembrou o desempenho habitual da geração campeã olímpica, a equipe do técnico José Roberto Guimarães desperdiçou contra-ataques em momentos importantes dos sets e não conseguiu neutralizar o principal ponto forte das coreanas, a atacante Kim Yeon-Koung, que marcou 21 pontos, todos de ataque.

Pelo Brasil, um dos destaques foi a central Fabiana, nova jogadora do Sesi-SP, com 10 pontos – sete de ataque, um no bloqueio e dois no saque.

A seleção volta a jogar na sexta-feira (03/08), às 5h30 (horário de Brasília), contra a China.

Leia mais