imagem google

Impactos da NR 12 na indústria são avaliados em Seminário na Fiesp

Especialistas avaliaram proposta encaminhada ao Ministério que defende a revisão dos prazos estabelecidos, linha de corte temporal a fim de adequar as máquinas novas e usadas, além de distinguir as obrigações entre fabricantes e usuário final

Agência Indusnet Fiesp

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) tem acompanhado a Norma Regulamentadora 12 (NR 12), que trata da proteção de máquinas e equipamentos.

Nesta terça-feira (15/10), na sede da entidade foram avaliados os impactos da norma para a indústria, durante o “Seminário NR-12 : Segurança do Trabalho”.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1614461080

Abertura do Seminário NR 12 - Segurança do Trabalho. Foto Everton Amaro/FIESP


O Seminário contou com apresentações do coordenador de Segurança e Saúde no Trabalho da Gerência Executiva de Relações do Trabalho da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), Clóvis Queiroz, e do especialista em Educação Profissional na Área de Segurança e Saúde no Trabalho do Senai-SP, João Campos.

O Ministério do Trabalho e Emprego criou, em junho de 2011, uma Comissão Tripartite Temática a fim de estudá-la, atualizá-la ou alterá-la. Ela é composta por representantes do governo, dos trabalhadores e dos empregadores.

Especialistas da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo integraram os debates, junto à Comissão, e avaliaram proposta encaminhada ao Ministério que defende a revisão dos prazos estabelecidos, linha de corte temporal a fim de adequar as máquinas novas e usadas, além de distinguir as obrigações entre fabricantes e usuário final.

Para acessar o conteúdo das palestras e outros documentos apresentados no evento, clique aqui.