imagem google

Últimos dias da exposição “Joias do Deserto” na Galeria de Arte do Sesi-SP

Mostra traz cerca de 2.000 peças reunidas e retratadas por Theresa Collor em suas viagens pelos principais desertos do mundo. Visitação gratuita até 10 de junho

Por Danusa Echteverria

Termina neste domingo (10/06)  a exposição  Joias do Deserto, uma seleção de adornos corporais pertencentes ao acervo etnográfico da historiadora Thereza Collor. A mostra pode ser conferida, gratuitamente, de segunda a domingo, na Galeria de Arte do Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso

A exposição é dividida em cinco núcleos dedicados às regiões desérticas e com peças, traços e vestimentas características de cada uma. O acervo traz cerca de 2.000 peças, entre brincos, colares, braceletes, vestes, tornozeleiras e adornos peitorais e de cabeça do século XIX e início do XX. Também contém fotos de alguns dos principais desertos do mundo e de seus habitantes. Tudo isso reunido e retratado por Thereza Collor em suas viagens.

Durante a cerimônia de inauguração, no dia 12 de março, Thereza Collor elogiou a estrutura do Centro Cultural e a receptividade da Casa da Indústria com projetos históricos, artísticos e culturais. O evento, fechado a convidados, contou com a presença e 720 pessoas, além do presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, do diretor do Comitê de Ação Cultural da Fiesp, Fernando Greiber, e do superintende do Sesi-SP, Walter Vicioni.

Serviço
Exposição Joias do Deserto
Local: Galeria de Arte do Sesi – Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso
Endereço: Av. Paulista, 1313 (metrô Trianon-Masp) – Tels. (11) 3146-7405 / 7406
Visitação: 13 de março a 10 de junho de 2012
Data/horário: segunda-feira, das 11h às 20h, terça a sábado, das 10h às 20h, e domingo, das 10h às 19h