imagem google

Frete ferroviário no Brasil custa em média US$ 74; países líderes em logística cobram US$4

Indicador de infraestrutura de transporte da Fiesp é divulgado durante 8º Encontro de Logística e Transportes da entidade

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

O custo do frete para transporte ferroviário pago no Brasil em 2010 era de US$74,67 a tonelada por quilômetro útil, enquanto os países com líderes mundiais em logística pagavam US$ 4,76, aponta levantamento da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

O Índice Comparado de Desempenho da Infraestrutura de Transporte (IDT/Fiesp), pesquisa elaborada pela entidade e divulgada na terça-feira (07/05), revela uma defasagem do Brasil em 94% ante os países com melhores práticas de logística no setor ferroviário. Em 2010, a cobrança de frete ferroviário correspondia a 6% do benchmark internacional.

No transporte por rodovias, o frete cobrado no Brasil em 2010 era de US$51,75 a tonelada por quilômetro transportada, contra US$ 14 pago nos países com melhores prática de logística, o equivalente a uma defasagem de 73% em relação a média das regiões líderes em infraestrutura de transporte.

Clique aqui e veja estudo na íntegra.