imagem google

Evento na Fiesp vai debater como reindustrializar o Brasil urgentemente

Seminário acontece no dia 26 de agosto, na sede da entidade

Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1611540946Com o objetivo de discutir políticas para reindustrializar o Brasil e dinamizar a economia, o Departamento de Competitividade e Tecnologia (Decomtec) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), promove o seminário “Reindustrialização do Brasil: chave para um projeto nacional de desenvolvimento”, no dia 26 de agosto. O evento terá quatro painéis e contará com a presença de 32 renomados especialistas.

Segundo diretor titular do Decomtec, José Ricardo Roriz Coelho, o contexto econômico não tem sido favorável aos investimentos em tecnologia. Por isso, o Brasil precisa ser mais agressivo nas políticas de pesquisa e desenvolvimento (P&D) e inovação a exemplo do que fazem os países desenvolvidos.

>> Conheça a programação do seminário “Reindustrialização do Brasil: chave para um projeto nacional de desenvolvimento”
Um dos painéis discutirá os “Instrumentos de política industrial e tecnológica para incentivar a reindustrialização do Brasil”.

O debate, moderado por Mauro Borges Lemos, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), tem a participação confirmada de Alexandre Comin, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Antonio Fernandes dos Santos Neto, da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), Carlos Américo Pacheco (ITA), reitor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), José Roberto Mendonça de Barros , da empresa de consultoria MB Associados, Mansueto de Almeida, da Fundação Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Mariano Laplane, do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), Mario Bernardini, da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) e Paulo Pereira da Silva (Força Sindical).

Os comentários finais são de David Kupfer, professor do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e dois diretores da Fiesp: Roberto Giannetti da Fonseca, titular do Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior (Derex), e José Ricardo Roriz Coelho, do Decomtec.

Durante o painel serão tratadas de questões como: é viável a política de conteúdo local para desenvolver fornecedores nacionais competitivos internacionalmente? É possível expandir a política de compras governamentais brasileira para todas as compras públicas? As margens de preferências estão adequadas? O uso da regulação setorial pode ser um instrumento de política industrial mais bem aproveitado no Brasil?

Também devem constar do debate essas questões: existem setores que são dinamizadores/vetores, como o setor de petróleo e gás, químico e infraestrutura, entre outros. É viável incentivar os setores dinamizadores? A desoneração dos insumos básicos industriais aumentaria a competitividade das principais cadeias produtivas? Como aumentar os investimentos em P&D e inovação no Brasil?

O evento terá transmissão on-line, em tempo real, pelo site da Fiesp: www.fiesp.com.br/online

Serviço

Seminário “Reindustrialização do Brasil: chave para um projeto nacional de desenvolvimento”
Data: 26/08/13
Horário: 8h30 às 18h30
Local: Edifício-sede da Fiesp, em São Paulo – Av. Paulista, 1313