imagem google

Etiene Medeiros, atleta do Sesi-SP, alcança índice para o Mundial de Barcelona

Nadadora crava 1m01s00 nos 100 metros costas durante eliminatória disputada na segunda-feira e garante vaga para Mundial de julho

Guilherme Abati e Lucas Dantas, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1579365987

Etiene Medeiros, do Sesi-SP, comemora vaga em Barcelona. Foto: CBDA

O primeiro dia (22/04) do Troféu Maria Lenk, que serve de seletiva para o Mundial de Natação de Barcelona que acontece em julho, e do Mundial Júnior em Dubai, em agosto, foi ótimo para Etiene Medeiros, atleta do Sesi-SP.

A nadadora pernambucana cravou 1m01s00, nos 100 metros costas, durante a eliminatória e superou o índice de 1m01s39 para a competição na Espanha. À tarde, Etiene venceu a final, com o tempo de 1m02s19, superando as nadadoras Natalia de Luccas e Isabela Silva (1m02s95), do Corinthians.

“Eu estava buscando esse resultado há muito tempo. Finalmente aconteceu, e só tenho que agradecer ao Sesi-SP e à equipe toda. Hoje é dia de descanso, pois amanhã tem mais uma prova. O objetivo foi alcançado, mas temos que fazer alguns ajustes. Na final, algumas coisas deram errado e podem ser melhoradas”, disse Etiene.

Apesar da conquista, a nadadora mantém a concentração no Maria Lenk. “A ficha só vai cair mesmo quando eu chegar ao Sesi-SP e treinar para Barcelona, estudar as rivais, observar parâmetros, enfim, quando começar a trabalhar mesmo para aquela competição. Quero melhorar, vou melhorar, e tenho certeza de que posso conseguir um tempo melhor ainda no Mundial”.

Para o treinador do Sesi-SP, Fernando Vanzella, o resultado de Etiene é uma prova do sucesso do trabalho que está sendo realizado no parque aquático da Vila Leopoldina. ““Ela fez o 21º tempo do ranking mundial. Isso é muito importante. A natação feminina precisa de resultados como esse. Teremos Olimpíadas no Brasil e com tempo e estrutura para trabalhar, podemos melhorar ainda mais”, declarou o técnico.

Jéssica Cavalheiro

Nos 200m livre feminino, Jéssica Cavalheiro, também atleta do Sesi-SP, mostrou ser a melhor nadadora brasileira nos 200m livre, ao terminar a prova com 2m00s69, atrás apenas da campeã olímpica em Pequim, a holandesa Frederike “Femke” Heemskerk (1m58s14). Com o resultado, Jéssica conquistou o título brasileiro da prova pela quarta vez – pelo regulamento da competição, o título é dado às atletas brasileiras – e ainda baixou em 30 centésimos o seu próprio tempo anterior (2m00s99).

Imagem relacionada a matéria - Id: 1579365987

Etiene também competiu no revezamento 4x50. Sesi-SP ficou em segundo lugar. Foto: CBDA

Além das provas individuais, o Sesi-SP mostrou sua força como equipe. No revezamento feminino 4x50m, a equipe formada por Daynara de Paula, Jessica Cavalheiro, Etiene Medeiros e Sabrina Todão completou a prova em 1m42s92 e ficou na segunda colocação, atrás do Minas (Inge Dekker, Carolina Bergamaschi, Roberta Albino e Lorrane Ferreira), com 1m41s18.

Ao final do primeiro dia de competição, o Sesi-SP ocupa a quarta colocação na classificação geral, com 154 pontos. O Minas lidera com 447,50 pontos. Em segundo está o Corinthians (329,50) e em terceiro, o Pinheiros (253,00).

A quinta colocação é do Unisanta/SP (141,50), seguido por Fluminense (114,00), Grêmio Náutico União (91,50) Botafogo (79,00), Curitibano (52,00) e Flamengo (34,00).

O Troféu Maria Lenk, disputado no Rio de Janeiro, acontece até sábado (27/04). Este ano, a CBDA dará diplomas especiais aos ‘Top 10’.