imagem google

Bachiana Filarmônica Sesi-SP realiza live nesta sexta (11/9) com clássicos de Beethoven a Piazzolla

O concerto, viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura - Ministério do Turismo, será transmitido pelos canais do Sesi-SP no Facebook e YouTube

Agência Indusnet Fiesp

O maestro João Carlos Martins e a Bachiana Filarmônica SESI-SP, após uma sequência de concertos/lives, um passeio por temas clássicos, trilhas de cinema, canções populares internacionais e nacionais, dedicam à música clássica sua próxima apresentação, em 11 de setembro, diretamente do Teatro do Sesi-SP com transmissão no canais do maestro e Sesi-SP no Facebook e YouTube.

O concerto, viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, do Ministério do Turismo, começa com uma das mais conhecidas peças do repertório orquestral: Eine Kleine Musik (Uma Pequena Serenata Noturna), de W.A. Mozart, que, embora nunca tenha sido levada a público por seu compositor, é sua obra mais executada.

Uma das sinfonias mais fortes do repertório clássico, a Sinfonia nº 5, de L.V. Beethoven, segue impactando o público sempre que são ouvidas suas quatro notas iniciais. João Carlos Martins apresenta Allegro com brio, o primeiro movimento desta peça também conhecida como Sinfonia do Destino, considerada um ‘monumento’ da criação artística.

Seguindo a noite ainda com L.V. Beethoven, o Concerto para Piano nº 3Rondó: Allegro, com o solista Davi Campolongo, um diamante descoberto e que está sendo lapidado cuidadosamente pelo maestro João Carlos Martins, executará o terceiro movimento final ao piano, em tom maior, marcado pela velocidade de um Presto Finale.

A soprano Anna Beatriz Gomes, parte do time de talentos descobertos pelo maestro João Carlos Martins, interpreta a ária A Rainha da Noite, da ópera A Flauta Mágica, de W.A. Mozart. A Rainha da Noite é a vilã da história, que representa as conturbadas relações de poder e subordinação da sociedade da época e a legitimidade dos aristocratas e das tiranias.

A ária mais conhecida do compositor Giácomo Puccini, Nessun Dorma, do último ato da ópera Turandot refere-se à proclamação da princesa Turandot, determinando que ninguém deve dormir: todos passarão a noite tentando descobrir o nome do príncipe desconhecido, Calaf, que aceitou o desafio. Imortalizada na voz de Luciano Pavarotti, será interpretada pelo tenor Jean William, que já encantou multidões cantando esta ária.

A noite segue com a segunda Valsa composta por Dmitri Shostakovich. Parte da Suíte para Orquestra de Variedades, uma suíte em oito movimentos, a valsa é o sétimo movimento da versão original e foi trilha sonora do filme soviético The First Echelon (1955).

Para fechar o programa, o maestro João Carlos Martins assume o piano com uma das melodias mais belas de Astor Piazzolla, Adios Nonino, que o autor chamava de seu tango número um.

Para que a live aconteça, o Espaço Saúde Fiesp/Ciesp/Sesi/Senai encaminhou aos músicos e a todos os integrantes da equipe técnica do evento, no início desta semana, um termo de orientação quanto aos cuidados e às medidas que precisam ser seguidas antes e durante a apresentação.

Todos os envolvidos no concerto usarão máscaras cirúrgicas de dupla camada, que oferecem grau de proteção ainda maior do que as de tecido, e são indicadas preferencialmente para grupos específicos ou de alto risco de contaminação ou transmissão.

Além de cumprir o distanciamento adequado, que será 1,5 m entre si, os participantes irão dispor de álcool gel para uso. Os músicos também estarão protegidos por estantes de acrílico vertical que atuarão como mais uma camada na composição deste distanciamento.

Outra recomendação do protocolo elaborado pelo Espaço Saúde das entidades é que encontros com tal perfil aconteçam sempre em ambientes ventilados ou em uma sala grande para não haver acúmulo de aerossol.

Sobre a Bachiana Filarmônica Sesi-SP – Fruto da parceria entre a Fundação Bachiana e o Sesi-SP, a Bachiana Filarmônica Sesi-SP conta com jovens talentos e músicos experientes de diversas idades, sob a direção artística do reconhecido mundialmente maestro João Carlos Martins. A orquestra já realizou mais de mil apresentações em todos os Estados, levando a música erudita a mais de 1 milhão de pessoas.

Mantida pelo Sesi-SP, a Bachiana Filarmônica representa ação relevante no apoio à música clássica e ao desenvolvimento de seus integrantes. Ao mesmo tempo em que contribui para a formação de talentos e abre múltiplas oportunidades profissionais, leva a cultura da música erudita a milhares de brasileiros, apresentando-se em cidades do interior do Estado de São Paulo, periferias das grandes cidades e em renomados teatros, difundindo e valorizando a música clássica de alta qualidade técnica e artística.

SERVIÇO:

Live Bachiana Filarmônica SESI-SP

Solistas: Anna Beatriz Gomes (soprano), Davi Campolongo (piano) e Jean William (tenor)

Maestro adjunto: Adriano Machado

11 de setembro, às 20h

Para assistir, acesse aqui o YouTube do Sesi-SP ou o Facebook

Lei de Incentivo à Cultura – Ministério do Turismo

PROGRAMA

Eine Kleine Musik (Uma Pequena Serenata Noturna)

Wolfgang Amadeus Mozart

Sinfonia nº 5 – Allegro com brio

Ludwig van Beethoven

Concerto para piano nº 3 – Rondó: Allegro

Ludwig van Beethoven

Regência: Maestro Adriano Machado

Solista Davi Campolongo (piano)

A Flauta Mágica – Ária A Rainha da Noite

Wolfgang Amadeus Mozart

Solista Anna Beatriz (soprano)

Nessun Dorma

Giácomo Puccini

Solista Jean William (tenor)

Valsa

Dmitri Shostakovich

Adios Nonino

Astor Piazzolla

Regência: Maestro Adriano Machado

João Carlos Martins ao piano