imagem google

Aldo Rebelo, Nuzman e Paulo Skaf participam de abertura de exposições na Fiesp

Presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, destaca compromisso da indústria com esporte e cultura

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, prestigiou as cerimônias de inauguração para convidados da exposição interativa “Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte” e da exibição de 48 fotos denominada “Olhar a toda prova”, em eventos realizados na noite de segunda-feira (15/04) no Centro Cultural Fiesp-Ruth Cardoso.

A primeira mostra é organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) com apoio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP). Já a segunda é uma iniciativa do Sesi-SP.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1576423845

Aldo Rebelo, ministro do Esporte; e Paulo Skaf, presidente da Fiesp e do Sesi-SP, prestigiaram as cerimônias de inauguração das exposições “Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte” e “Olhar a toda prova”, no Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

“Que esta exposição [“Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte”] seja visitada pela nossa comunidade em São Paulo, pelos brasileiros e pelas crianças da rede pública e que ela ajude a preparar no Brasil o espírito de 2016, o espírito olímpico da paz entre as nações”, afirmou Rebelo.

Ao falar sobre a iniciativa, o presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, ressaltou o compromisso com a formação plena de crianças e jovens por meio da educação e do esporte.

“A indústria de São Paulo prioriza a educação, mas quando nós falamos em educação, ela não se dá só na sala de aulas ou nos laboratórios. Ela se dá nas quadras de esportes, na boa alimentação e nas práticas culturais”, afirmou Skaf.

Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB, disse que a exposição “Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte” irá contribuir para formação de novos atletas do esporte brasileiro: “Esse é um legado para os jovens que virão aqui e eles vão se contagiar com o esporte e vão sentir a história do que o esporte trouxe tanto séculos para humanidade, para que isso possa ser traduzido em uma forma que eles entendam e que eles possam participar do futuro do esporte brasileiro”, afirmou Nuzman, agradecendo a Fiesp por receber a exposição.