imagem google

Palestra realizada na Reunião do Consea | 20.07.2015


Conforme análise de Celso Mori, convidado do Conselho Superior de Estudos Avançados da Fiesp (Consea), em encontro realizado no dia 20 de julho, o orçamento da União conta hoje com dois pontos desastrosos: o passivo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e o déficit crescente na Previdência Social. O orçamento, em 2014, na casa de R$ 1 trilhão e 800 bilhões, conta com despesas de R$ 420 bilhões com a Previdência. Segundo Celso Mori: “O orçamento encontra-se desbalanceado quando se consideram os recursos alocados em educação, saúde e infraestrutura, comprometendo o projeto futuro de nação”.


Para visualizar ou salvar apresentações da Palestra, acesse o título abaixo:

– Repensando o Brasil: Previdência Social e F.G.T.S. – Celso Cintra Mori