É preciso proteger os oceanos em pelo menos 20%, alerta Jean Michel Cousteau

Alice Assunção e Talita Camargo, Agência Indusnet Fiesp

O explorador francês Jean Michel Cousteau, um dos principais ativistas pró-ambiente, afirmou nesta terça-feira (12/06) que veio à Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, para pedir às autoridades e empresários que protejam os oceanos em pelo menos 20%.

Segundo Cousteau, é preciso proteger os locais onde as baleias se reproduzem. “Hoje, por conta da nossa falta de compreensão a respeito dos oceanos, apenas 1% deles está protegido”, afirmou.

“Nossa presença aqui é para pedir que protejam 20% dos 65% de mar aberto que está desprotegido sem legislação. Acreditamos que a Rio+20 é a oportunidade de fazer com que isso aconteça”, completou Cousteau.

O explorador francês participou do TEDxRio+20, uma rodada de palestras com no máximo 18 minutos sobre temas variados. O evento acontece paralelamente à Rio+20 e é uma extensão da TED (Technology, Entertainment, Design), uma conferência anual organizada pela primeira vez em 1984 nos Estados Unidos.

Sob o mote “ideias que merecem ser espalhadas”, o TED já contou com palestrantes como Bill Clinton, Bill Gates, Bono Vox, Al Gore, Michelle Obama e Philippe Starck.

O TEDxRio+20 integra a programação do Humanidade 2012, iniciativa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e de parceiros que acontece até 22 de junho, em paralelo à Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20).

Mais palestras

O cientista suíço Colomban de Vargas fez a primeira apresentação de terça-feira (12/06) no Auditório da Humanidade. Ao compartilhar seu fascínio pelo mar, ele mostrou alguns estudos sobre a importância do plâncton para a sobrevivência humana.

O plâncton é um componente importante na alimentação de grande parte dos peixes e outros organismos aquáticos. Ele é composto por organismos microscópicos, encontrados tanto na água doce quanto na água salgada.“Esses são os seres mais abundantes da Terra, 98% do volume de nossa biosfera é plâncton”, afirmou Vargas, que recentemente retornou de uma expedição ao redor do mundo para estudar o componente nos mares de 35 países.

Com a apresentação “Coisas que não sabemos sobre as árvores”, o jornalista americano Jim Robbins falou sobre os efeitos do aquecimento global nas florestas do planeta e ressaltou a pouca atenção destinada às árvores .

A palestra de Jarbas Agnelli, diretor e músico, responsável pelo curta The City of Samba, contou toda a história por trás do curta – veja abaixo o filme homônimo.


TEDxRio+20 abre programação do espaço Humanidade 2012 durante a Rio+20

Alice Assunção e Talita Camargo, Agência Indusnet Fiesp

Público confere palestras do TEDxRio+20, no primeiro dia do Humanidade 2012, no Forte Copacabana, no Rio

Público confere palestras do TEDxRio+20, no primeiro dia do Humanidade 2012, no Forte Copacabana, no Rio

Com palestras do designer Hans Donner, da ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva e do engenheiro venezuelano José Luís Cordeiro, entre outras, começou na manhã desta segunda-feira (11/06), no Forte de Copacabana, no Rio, o TEDxRio+20.

O evento integra a programação do Humanidade 2012, iniciativa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e de parceiros que acontece até 22 de junho, em paralelo à Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20).

O TEDxRio+20 é um evento carioca independente licenciado pelo TED (Tecnologia, Entretenimento, Design), plataforma de conexão de ideias e pessoas que contribuam para uma vida melhor. Na pauta está prevista a discussão de ideias e experiências em que o poder humano é o motor das mudanças experimentadas pelo mundo. As palestras, sempre limitadas a 18 minutos, são transmitidas ao vivo pelo site www.tedxrio20.com.

A segunda edição deste evento no Rio tem como curiosidade as acomodações: centenas de cadeiras de praia criadas especialmente para o evento, uma referência ao local do evento, ao lado da orla de Copacabana.

Veja um resumo de algumas palestras neste primeiro dia do TEDxRio+20 – o evento prossegue nesta terça-feira (12/06).

Hans Donner – O designer austríaco, conhecido nacionalmente por desenvolver a computação gráfica de diversas novelas da Rede Globo, apresentou o conceito “EcoTime”, novo modelo de relógio sem números ou ponteiros, apenas com mostradores que fluem pelas horas e minutos. “Essa é a peça mais importante da minha vida”, declarou o artista emocionado.

Marina Silva, ex-ministra do meio-ambiente, que participou do TEDxRio+20

Marina Silva, ex-ministra do Meio Ambiente: 'Desenvolvimento sustentável é usar com sabedoria os recursos de milhares de anos sem lucros apenas para alguns'

Marina da Silva – A ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, afirmou que o Brasil está distante de alcançar um patamar significativo de

desenvolvimento sustentável. “O desenvolvimento sustentável é usar com sabedoria os recursos de milhares de anos sem lucros apenas para alguns”, disse. Marina ainda contou algumas histórias de sua vida, para ilustrar que “não precisamos ser produtos de nossos passados”, um dos focos principais de seu discurso, para finalizar com um pedido à nação. “Os brasileiros precisam ser o arco que vai empurrar os líderes do país para a frente, à caminho de um desenvolvimento realmente sustentável”, declarou.

José Luis Cordeiro – O venezuelano José Luis Cordeiro, professor da Singularity University, parceria da Nasa com o grupo Google conhecida como a “Universidade do Futuro”, integrou a mesa de discussões e alertou para o aquecimento global e o futuro da energia no planeta: “O futuro está na descarbonização da energia. O mundo vai ter que se abastecer por energia solar”, argumentou.

Humanidade 2012

O projeto Humanidade 2012 é uma iniciativa conjunta da Fiesp, Sistema Firjan, Fundação Roberto Marinho, Sesi-Rio, Sesi-SP, Senai-Rio, Senai-SP, com patrocínio da Prefeitura do Rio, do Sebrae e da Caixa Econômica Federal.

Serviço
Humanidade 2012
Local: Forte de Copacabana
Data da exposição: de 12 a 22 de junho 2012
Horário da exposição: de 10h às 21h
Área expositiva aberta ao público, gratuita
Facebook:  http://www.facebook.com/humanidade2012
Twitter: http://twitter.com/#!/Humanidade2012 

Paulo Skaf acompanha no Rio últimos preparativos para o Humanidade 2012

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

Paulo Skaf, presidente da Fiesp, acompanha de perto últimos preparativos da obra do Humanidade 2012

Paulo Skaf, presidente da Fiesp, acompanha de perto últimos preparativos da obra do Humanidade 2012

Em visita ao Rio de Janeiro na tarde desta quinta-feira (07/06), o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, viu de perto os preparativos para o Humanidade 2012. O evento será aberto na próxima segunda-feira (11/06), no Forte de Copacabana, e prossegue até 22/06.

A visita começou por volta de 11h e teve aproximadamente quatro horas de duração. Skaf foi acompanhado por engenheiros e pela diretora e cenógrafa Bia Lessa, responsável pela concepção do espaço.

“O objetivo foi o de dar uma rodada geral pelo espaço, passando por todas as salas. A chuva está atrapalhando, mas nada que vá inviabilizar a inauguração. Nesta sexta continuarei acompanhando [as obras] para ajudar a resolver nas últimas tarefas que aparecem, de modo que tudo fique pronto daqui a três dias”, afirmou o presidente da Fiesp.

Skaf destacou ainda que a grande diferença do Humanidade 2012 é o de ser um evento de portas abertas. “Será um espaço democrático, aberto, para que todos possam visitar. Estamos mostrando a sustentabilidade com foco no ser humano. Por isso se chama Humanidade”, explicou.

As obras

O Humanidade 2012 terá uma área de quase 7.000 metros quadrados para ser um ponto de encontro de visitação e de convivência durante a Rio+20. O material que sustentará as salas será 100% reutilizado e o edifício-andaime será translúcido, exposto ao tempo, com luz, calor, chuva, barulho do mar e do vento.

A principal proposta, de acordo com a Bia Lessa, é lembrar o homem da sua frágil condição diante das forças da natureza. O conceito foi o de desenvolver um espaço de diálogo permanente com a natureza, conectado cenográfica e arquitetonicamente ao mar, ao verde e às montanhas ao redor do Forte de Copacabana.

O Humanidade 2012 foi idealizado para realçar o importante papel que o Brasil exerce hoje como um dos líderes globais no debate sobre o desenvolvimento sustentável.

A iniciativa é da Fiesp, Sistema Firjan, Fundação Roberto Marinho, Sesi-Rio, Sesi-SP, Senai-Rio, Senai-SP, com patrocínio da Prefeitura do Rio e do Sebrae.

Humanidade 2012 receberá TEDxRio+20

Agência Indusnet Fiesp 

Um dos pontos altos da programação do Humanidade 2012 é o TEDxRio+20, franquia do TED (Tecnologia, Entretenimento, Design), evento que ficou famoso por atrair personalidades para apresentações limitadas a 18 minutos.

O objetivo central do TEDxRio+20 é destacar o lado humano nas iniciativas para um mundo mais sustentável em suas três dimensões – social, ambiental e econômico –, fomentando e discutindo novas propostas.

O TEDxRio+20 tem organização independente, sob licença do TED, uma das mais importantes conferências mundiais que desde 1984 transmite experiências e inspira projetos em todo o mundo e que acontece anualmente na Califórnia.

O Humanidade 2012 é realizado pela Fiesp, Sistema Firjan, Sesi/Senai São Paulo, Sesi/Senai Rio, Fundação Roberto Marinho, com patrocínio da Prefeitura do Rio e do Sebrae.

Acompanhe a cobertura da Rio+20 no site da Fiesp: https://www.fiesp.com.br/rio20