Adaptação de obras literárias para teatro foi tema de debate do ‘InteligênciaPontoCom’ no Sesi-SP

Dulce Moraes, Agência Indusnet Fiesp

Na noite da última terça-feira (28/05), a diretora teatral Beth Lopes e o autor e dramaturgo Paulo Rogério Lopes estrearam a programação do InteligênciaPontoCom 2013 , uma série de debates com especialistas que serão realizados neste ano para discutir os novos rumos da arte e da cultura.

A pesquisadora e diretora teatral Beth Lopes abriu o diálogo com o público relembrando ter participado com Paulo Rogério de trabalhos como a adaptação do clássico das histórias em quadrinhos, a obra “Piratas do Tietê”, para o teatro.

Paulo Rogério Lopes, por sua vez, citou vários bons trabalhos de adaptação da literatura para o teatro e relembrou que “o papa do teatro mundial, Willian Shakespeare, era um grande adaptador”.

Para Paulo Rogério, a adaptação só é possível quando se abraça um desafio e que  é preciso criar um gama de possibilidades para despertar o interesse do  público.  “Adaptar um texto literário ou  um acontecimento que houve na rua parte do mesmo princípio. [Temos que pensar]… Como aquilo vai ter uma autoria minha? Como com aquilo eu vou falar coisas que gostaria dizer? E como vai ser interessante para o público”.

O encontro, aberto ao público, também foi transmitido pela internet.

Veja o vídeo do encontro do dia 28 a seguir:

Centro Cultural Fiesp: Marco Ricca protagoniza peça ‘Boca de Ouro’ no Teatro do Sesi São Paulo

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Em comemoração ao centenário do escritor e dramaturgo Nelson Rodrigues, o Teatro do Sesi São Paulo, no Centro Cultural Fiesp, apresenta a peça Boca de Ouro, com Marco Ricca no papel do típico malandro carioca, famoso bicheiro do bairro da Madureira, que manda trocar todos os dentes brancos e perfeitos por uma dentadura de puro ouro. O espetáculo fica em cartaz até o dia 25 de novembro.

Com direção geral e artística de Marco Antônio Braz e cenários e adereços de J.C Serroni, a trama inicia com a notícia do assassinato do contraventor mais famoso do Rio de Janeiro. Escalado para desvendar este mistério, o repórter Caveirinha (Alessandro Hernandez) decide entrevistar dona Gigi (Lara Córdulla), ex-amante do Drácula de Madureira. Em uma narrativa ágil e moderna, dona Gigi apresenta três versões diferentes para a mesma história, que variam conforme a sua emoção e humor.

Com o projeto Nelson Rodrigues 100 Anos, o Sesi São Paulo reafirma seu compromisso com a democratização do acesso à cultura. Há mais de 40 anos, a instituição oferece ao público apresentações gratuitas. Na capital e em todo o Estado de São Paulo, os Centros Culturais, os Centros de Atividades e os 22 teatros da entidade promovem exposições, shows, peças teatrais, filmes e eventos literários. Atuando efetivamente na formação de público para as diferentes linguagens artísticas, o Sesi-SP atende cerca de 2 milhões de espectadores anualmente.

Até o mês de novembro, o público poderá conferir espetáculos teatrais inéditos, debates, leituras dramáticas, exposição e oficinas sobre a vida e obra de Nelson Rodrigues. Os eventos serão realizados na capital paulista e nos 19 teatros do Sesi-SP localizados na Grande São Paulo e no interior do Estado.

Confira a programação no site

Serviço
Boca de Ouro
Local: Teatro do Sesi São Paulo
Endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
Temporada: de 29 de junho a 25 de novembro de 2012
Atenção: As sessões dos dias 6 e 7 de outubro (sábado e domingo) foram canceladas por questões técnicas da produção do espetáculo.
Classificação indicativa: 14 anos
Horário: 20h30
Informações: (11) 3146-7405 / 7406

Leia mais

Teatro do Sesi-SP apresenta a comédia Mistero Buffo, com o grupo LaMínima

O Teatro do Sesi São Paulo apresenta até o dia 3 de junho o espetáculo Mistero Buffo, com o grupo LaMínima. Produção do Sesi-SP, a montagem integra as comemorações do Momento Itália-Brasil 2012 e também marca os 15 anos de criação do grupo.

Em cena, 20 personagens são desdobrados pela dupla Domingos Montagnere Fernando Sampaio, tendo como parceiro sonoro, no palco, o multi-instrumentista Fernando Paz, com Marcelo Pellegrini na direção musical. Neyde Venezianoassina a direção e tradução, esta última em parceria com André Carrico.

São quatro pequenas histórias, escritas por Fo com inspiração em passagens da Bíblia, mas que subvertem a seriedade do assunto colocando a plateia a gargalhar com gírias, dialetos e situações em que se mesclam as estéticas de Dario Fo e a do palhaço.

Os quadros que compõem o espetáculo são A Ressurreição de Lázaro, O Cego e o Paralítico, O Louco e a Morte O Louco aos pés da Cruz, e um personagem é comum em todos eles: Jesus. Acompanhado de mendigos, ladrões, cegos, loucos e mortos, o Jesus de Dario Fo é parte integrante da horda que o acompanha. A crítica do autor, rechaçado constantemente pelo Vaticano, tem como objetivo a Igreja Católica. E isso ele faz brilhantemente e com muito riso.

Concepção da montagem 

Os atores se aproximam do teatro popular resgatando a linguagem circense e a alma da expressão corporal do palhaço (sem maquiagem, sem nariz vermelho), recheando suas interpretações com gags típicas das grandes duplas de palhaços, características marcantes dos atores, que neste ano completam 15 anos de estrada do LaMínima. Para adaptar o universo de Dario Fo à realidade brasileira (que na versão original do texto incorporou diferentes dialetos italianos), o grupo implantou gírias tipicamente urbanas e cosmopolitas entre os diálogos.

Saiba mais aqui.

Serviço

Espetáculo: Mistero Buffo

Temporada: de 22 de março a 3 de junho – de quinta a sábado, às 20h30, e domingo, às 20h

Local: Teatro do Sesi-SP – Av. Paulista, 1313 (Metrô Trianon-Masp), capital

Ingresso: Às quintas e sextas-feiras, entrada franca. Nos sábados e domingos, R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)

OBS: Haverá bate-papo com o grupo nos dias 26/4, 04/5 e 10/5, após as sessões

Site oficial: www.laminima.com.br

Teatro do Sesi comemora aniversário de São Paulo com espetáculo Sinfonia Paulistana

Agência Indusnet Fiesp

Nesta quarta-feira (25), aniversário de São Paulo, o Teatro Sesi-SP apresenta o projeto Sinfonia Paulistana – Um Novo Olhar, em homenagem ao legado musical deixado por Billy Blanco.

O concerto em tributo à genialidade do compositor contará com a participação especial do cantor e violonista Billynho Blanco, filho do homenageado, e dos músicos André Abujamra, Blubell, Karina Zeviani, Laura Lavieri, Marcelo Jeneci, Skowa, Regis Damasceno, Estevan Sinkovitz, Dustan Gallas, Guilherme Kastrup e Richard Ribeiro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544868150Os convidados foram escolhidos a dedo pelo diretor musical do projeto, o guitarrista, compositor e produtor João Erbetta. Produzido pela Oka Comunicações, o espetáculo é um tributo à música ‘Sinfonia Paulistana’, uma das obras-primas de Billy Blanco, que conta, musicalmente, a história de São Paulo, de Anchieta até os dias de hoje.

O show apresentará pela primeira vez uma versão revisitada da música original, com diversidade de ritmos e gêneros atuais produzidos por nomes do cenário musical paulistano contemporâneo, como o músico, ator e produtor André Abujamra.

Documentário
Sinfonia Paulistana é praticamente desconhecida na íntegra. Existe apenas em LP, que tem seu trecho mais famoso utilizado pela rádio Jovem Pan, diariamente, há quase 40 anos.

Além dos shows, o projeto Sinfonia Paulistana vai render um documentário, que é um ensaio visual e musical. Será construído por imagens contemporâneas da cidade de São Paulo a partir de diferentes pontos de vista, formando amplo mosaico. A música é o personagem principal do documentário que, a partir de sua divisão original em 15 movimentos, expõe a diversidade de estilos visuais e musicais, ritmos e pontos de vista, tão peculiares à cidade de São Paulo.

Ao longo de mais de meio século, a bossa nova e o samba de Billy Blanco ganharam notoriedade na voz de grandes nomes da música brasileira, como Dolores Duran, Elizeth Cardoso, Elis Regina e Dick Farney. O compositor paraense morreu no dia 8 de julho deste ano, no Rio de Janeiro, mas sua música não se silenciou.

Serviço
Sinfonia Paulistana – Um Novo Olhar
Local: Teatro do Sesi São Paulo – Av. Paulista, 1313, metrô Trianon-Masp
Data e horário: dia 25 de janeiro, às 20h30
Capacidade: 456 lugares
Ingressos: entrada franca. A distribuição dos ingressos tem início a partir da abertura da bilheteria: de quarta a sábado, das 12h às 20h30; domingo, das 11h às 19h30. São distribuídos dois ingressos por pessoa.
Recomendação etária: Não recomendado para menores de 14 anos
Informações: (11) 3146-7405 / 7406