Sassá e Danielle Lins compõem equipe feminina de vôlei do Sesi-SP

Alice Assunção e Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Wélissa de Souza Gonzaga (Sassá) e Danielle Lins, ambas da seleção brasileira, integram o primeiro time feminino adulto de vôlei do Sesi-SP para a temporada 2011/2012. O anúncio da nova equipe foi feito nesta segunda-feira (30) na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) pelo técnico Talmo Oliveira, campeão Olímpico.

As atletas Renata de Andrade Maggioni, Michelle Coelho Lemos Daldegan, Natalia Aparecida Martins, Elisangela Almeida de Oliveira, Gabriela Souza, Marcela Correa, Sonia Benedito, Marina Donati Daloca, Roberta Pereira da Silva, Michele Marinho Pavão, Luisa Lilian de Lima e Jéssica Aparecida dos Santos Silva compõem a equipe feminina do Sesi-SP.

“Pode esperar muito trabalho da nossa equipe”, garantiu Danielle Lins.

Paulo Skaf (ao centro) cumprimenta Talmo Oliveira (à direita), o técnico do primeiro time feminino adulto de vôlei do Sesi-SP, apresentado nesta segunda-feira (30) na sede da Fiesp

 

 

O técnico Talmo Curto de Oliveira, campeão Olímpico, contará com um grupo de apoio formado pelo primeiro-assistente Alexandre Ferrante (ex-técnico do Macaé e auxiliar técnico da seleção brasileira juvenil feminina), o preparador físico Sérgio Mançan (ex-preparador físico da Seleção Brasileira Infanto-juvenil Masculina) e o segundo assistente Guiliano Ribas (Juba).

“Todas as jogadoras e comissão técnica farão o melhor desde o primeiro dia”, afirmou Oliveira logo após apresentar o time.

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP, Paulo Skaf, também participou da coletiva de anúncio da nova equipe e destacou a influência do Sesi no esporte brasileiro. “Atletas formados pelo Sesi representarão o Brasil na próximas Olimpíadas”, disse Skaf.

Leia mais:

Acompanhe as notícias do Sesi-SP esporte

Time feminino de vôlei do Sesi-SP será espelho para alunos, diz Talmo Oliveira

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

 

A equipe, que reúne jogadoras renomadas do voleibol brasileiro, como a levantadora Dani Lins, a central Natalia Martins, a líbero Michele Martins e a ponta Sassá, com jovens talentos do voleibol nacional.”Nossa equipe servirá de espelho para as crianças e jovens alunos do Sesi-SP”, declarou o bicampeão mundial (92) e técnico da equipe feminina do time da indústria, Talmo Oliveira, ao ressaltar o compromisso dos atletas do esporte de rendimento de incentivar a prática esportiva para os mais de 100 mil alunos da entidade, durante a apresentação do primeiro time feminino adulto de vôlei do Sesi-SP, nesta segunda-feira (30), na sede da Fiesp.

Paulo Skaf, presidente da Fiesp e do Sesi-SP, destacou os esforços da instituição, que há pouco mais de dois anos intensificou investimentos na formação de novos talentos do esporte brasileiro, com foco nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.”Estamos loucas para entrar em quadra e mostrar o quanto podemos contribuir com esse novo projeto”, enfatizou a central Natália, convocada para integrar a seleção brasileira feminina de voleibol durante a disputa do Yeltsin Cup, que acontecerá entre os dias 3 e 11 de julho, na Rússia.

Na avaliação de Skaf, os resultados obtidos com o time de vôlei masculino, campeão da Superliga Masculina de Voleibol 2010/2011, foram consequência do trabalho sério realizado pela instituição. “Conquistar um campeonato é muito bom, porém, o mais importante é sentir a garra e determinação das atletas, fazendo o seu melhor dentro de quadra. Tenho certeza que esse time fará isso e servirá como um belo exemplo para os nossos alunos”, completou.

Skaf, jogadoras e comissão técnica do time feminino de vôlei do Sesi

 

Ferramenta educacional

José Montanaro, supervisor de voleibol do Sesi-SP, acredita que a convivência dos estudantes da instituição com os atletas de rendimento estimulará os estudantes a praticarem uma modalidade esportiva. Hoje, mais de cinco mil jovens praticam voleibol nas 211 escolas do Sesi-SP. “Fico muito orgulhoso de fazer parte deste projeto. Estou debutando no vôlei feminino e vou aprender muito com essas meninas”, concluiu Montanaro.

Durante o evento, Walter Vicioni, superintendente operacional do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP, chamou a atenção para a metodologia adotada pela instituição, que incentiva a pratica esportiva como ferramenta para educação plena dos estudantes. “Desde o início da gestão do presidente Paulo Skaf, o Sesi-SP tornou-se protagonista da história do esporte e da educação brasileira”, afirmou.

Leia mais:

Acompanhe as notícias do Sesi Esporte