Vôlei do Sesi-SP perde para São Bernardo na primeira rodada da Superliga masculina

Agência Indusnet Fiesp com informações da CBV

Depois de abrir dois sets de vantagem, o Sesi-SP sofreu a virada e foi derrotado neste sábado (24/11) pelo São Bernardo na estreia das equipes na temporada 2012/13 da Superliga Masculina.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544843470

Sesi-SP teve três desfalques. Foto: July Stanzioni/SM Press/Divulgação.

 
 
Os donos da casa venceram por 3 sets a 2 (23/25, 21/25, 28/26, 25/19 e 15/13) em 2h34 de jogo realizado no ginásio Adib Moysés Dib, na cidade do ABC paulista.

O Sesi-SP não contou com o oposto Lorena, suspenso pelo terceiro cartão amarelo que recebeu na final da última Superliga, e o centrais, Sidão e Éder – ausentes por problemas de lesão.

Ao falar com a reportagem da Confederação Brasileira de Völei (CBV), o levantador do Sesi-SP, Sandro, lamentou a derrota e garantiu que a equipe precisa evoluir.

“Deixamos o São Bernardo crescer durante a partida e chegou em um ponto que foi difícil segurar. Essa partida serve como alerta porque a Superliga é longa. Tem muita coisa para acontecer durante o campeonato e temos que trabalhar”, disse o jogador do Sesi-SP.

Na próxima quinta-feira (29/11), às 19h30, o Sesi-SP enfrenta o Medley/Campinas, também fora de casa.

Com time reforçado e mais experiente, time feminino do Sesi-SP busca seu primeiro título na Superliga

Lucas Dantas, Agência Indusnet Fiesp

Experiência e garra. Isso o time feminino do Sesi-SP tem de sobra. Após a decepção no Campeonato Paulista, o time da indústria vira suas atenções para a Superliga 2012-2013, na qual busca o primeiro título em sua segunda participação.
A estreia será já nesta sexta-feira (23/11) contra um tradicional rival, o Pinheiros, em casa, às 18h. Para a ponta/oposta Tandara, que disputa sua primeira Superliga pelo Sesi-SP, nada melhor do que começar a jornada diante da torcida.

“Esperamos que o pessoal compareça e dê aquela força, mas jogaremos a primeira em casa onde conhecemos bem a quadra e estamos à vontade contra um adversário que, embora perigoso, estamos acostumadas”, declarou a jogadora, campeã da última temporada pelo Sollys.

A equipe foi reforçada em todos os setores e procurou suprir ausências que se mostraram cruciais na temporada passada. O técnico Talmo de Oliveira recebeu nove jogadoras e montou um time forte que já sai para a disputa como favorito.

Contratações

Para a temporada chegaram as campeãs olímpicas Fabiana e Tandara, além de Carol Albuquerque, também medalha de ouro (Pequim-2008), Juliana, Ingrid, Suelle, Veridiana, Francynne e Ana Beatriz. Para Talmo, as contratações colocam o Sesi-SP em condições de lutar pelo título, mas o equilíbrio da tabela acaba equiparando a disputa.

“Conseguimos ótimos nomes e mantivemos outros, como as atletas Elisângela e a Dani Lins, mas a Superliga está muito equilibrada. Unilever, Amil, Sollys… São todos times muito fortes e vão engrandecer o campeonato”, afirmou Talmo, que disputou todas as edições da Superliga, desde a primeira, como jogador ou técnico. “É, com certeza, um motivo de orgulho participar dessa competição desde o início, mas eu ficarei mais feliz se ganhar pelo Sesi-SP”, completou.

A supercampeã Fabiana também está ansiosa para jogar e quer apagar a impressão deixada pela eliminação no Paulista, quando o time caiu na semifinal para o Amil/Campinas.

“Minha primeira competição com o Sesi-SP não terminou com título e isso me deixou muito triste. Mas agora nós trabalhamos pesado, treinamos muito e estamos preparadas”, disse a capitã.

A levantadora Dani Lins concorda e também está confiante na campanha do time. “Nós melhoramos pontos que estavam ruins e treinamos muito para entrosar mais a equipe. Estamos confiantes e preparadas”.

Após a estreia, o time disputa duas partidas fora de casa: contra o Rio do Sul, em 27/11, e o Praia Clube, em 30/11, só voltando a jogar na Vila Leopoldina no clássico contra o Amil, dia 04/12. Você confere a tabela completa em http://www.cbv.com.br/v1/superliga/superliga.asp

Serviço
Superliga 2012-2013 – 1ª Rodada
Jogo: Sesi-SP x EC Pinheiros
Local: Ginásio da Vila Leopoldina
Endereço: Rua Carlos Weber, 835, Vila Leopoldina, capital
Data/horário: Sexta-feira (23/11), às 18h
Entrada franca

Leia mais

Chegou a hora e o Sesi-SP vai atrás do bicampeonato da Superliga

Lucas Dantas, Agência Indusnet Fiesp

Depois de muita espera, finalmente vai começar o principal campeonato de vôlei do país. Com estrelas campeãs olímpicas, mundiais e velhos conhecidos, a Superliga 2012-2013 promete ser a mais disputada em muitos anos. E o time masculino do Sesi-SP já está preparado para a difícil campanha que começa neste sábado (24/11), contra o São Bernardo, fora de casa, às 18h, com transmissão pelo Esporte Interativo.

Com as contratações de Lorena, Cléber, Éder, Everaldo e Mão, o time que já era forte ficou ainda mais competitivo. Os craques da seleção brasileira Murilo, Serginho e Sidão continuam no Sesi-SP e os novatos Tiago Barth e Ary trouxeram juventude e raça para a equipe treinada por Giovane Gávio.

“Conseguimos fechar os setores que tinham alguma carência e montamos uma equipe experiente e focada nos objetivos. Os jogadores entenderam o que o Sesi-SP representa e estamos prontos para buscar as vitórias”, declarou o treinador, que busca seu segundo título da competição como técnico.

A opinião do comandante é acompanhada por Lorena que, com sua raça e pontos precisos, conquistou a torcida desde o primeiro jogo. Após dois vice-campeonatos, agora ele também quer o título que lhe escapou pelos dedos.

“Nunca joguei em uma equipe tão forte e tão preparada e estou confiante demais. O Sesi-SP está muito bem, mas existem outras equipes fortes, como o Sada e o RJX e acho que o título não sai dessas equipes, mas eles que se preocupem com o Sesi-SP”, declarou o oposto de 1,98m que veio do Vôlei Futuro e ficou muito próximo da taça nas temporadas 09-10 e 11-12.

Reforços

O Sesi-SP também trouxe os pontas Cléber e Mão, aliando juventude com experiência. Quem também chegou foi o central Éder, da Cimed, dono do melhor saque da última temporada, e Everaldo, levantador para dividir a posição com Sandro.

Os novos jogadores juntam-se aos “veteranos” Serginho, Murilo e Sidão para montar o time mais forte que o Sesi-SP já apresentou. Nas palavras do capitão Murilo, a fórmula para conquistar o título foi seguida, só precisa agora ganhar na quadra.

“Fizemos tudo certo, estamos treinando demais e o time foi montado com critério e nas posições certas pelo Giovane. Mas é preciso entrar na quadra e ganhar, o que é muito difícil. A cada ano que passa a Superliga fica mais equilibrada e agora está muito mais”, declarou Murilo.

Após a estreia contra o São Bernardo, o Sesi-SP viaja para Campinas onde enfrentará os rivais da decisão do Paulista, o Medley, dia 29/11. Na terceira rodada, o confronto será o clássico contra o Vôlei Futuro, também fora de casa, no dia 01/12, só jogando em casa pela primeira vez contra a UFJF no dia 04/12.

Serviço
Superliga 2012-2013 – 1ª Rodada
Jogo: Sesi-SP x São Bernardo
Data/Horário: sábado (24/11), às 18h
Local: Ginásio Poliesportivo Adib Moisés Dib
Endereço: Av. Kennedy, 1155, Anchieta, SBC, SP
Entrada franca

Leia mais