Integração de sistemas agiliza procedimentos junto à Receita Federal

Solange Sólon Borges, Agência Indusnet Fiesp 

A informatização dos sistemas da Receita Federal do Brasil centralizou os debates ocorridos na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na quinta-feira (11). O objetivo do encontro foi preparar o contribuinte para o cumprimento de suas obrigações fiscais, diante das diversas ferramentas tecnológicas disponibilizadas no site da Receita.

“O sistema informatizado presta serviço a pessoas físicas e jurídicas, à Justiça, ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), ao setor aduaneiro e também a fontes externas”, informou Edmundo Rondinelli Spolzino, auditor-fiscal da Receita Federal e chefe da divisão dos Maiores Contribuintes. Segundo o auditor, a 8ª Região do Estado de São Paulo abriga dados de 6 milhões de empresas, 43 milhões de CPFs e 600 mil cadastros de imóvel rural.

Com o objetivo de agilizar operações, a Receita Federal e Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo desenvolvem projeto de integração que beneficiará o Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex) já a partir de 2011.

Sistemas em destaque

A Certificação Digital foi apontada como fundamental para o atendimento a distância e a descentralização. “Os processos eletrônicos ainda precisam evoluir mais e, apesar de envolver custos, eles trazem segurança”, avaliou Spolzino.

O Sped Contábil e a Nota Fiscal Eletrônica, com mudanças previstas a partir do ano que vem, são processos realizados em parceria com as Secretarias da Fazenda, apontou o auditor. Em sua avaliação, esses procedimentos são fundamentais até para uma possível reforma tributária, à medida que realizam cálculos efetivos, com origem e destino, auxiliando na tomada de decisões.

Para finalizar, Spolzino dimensionou a amplitude do sistema que gerencia a cobrança da Receita Federal do Brasil e que, desde 2005, encontra-se em processo de fusão com a Receita Previdenciária.

O evento contou com a participação de Carlos Roberto Matavelli, do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo, José Rogelio Medela, diretor da Central de Serviços da Fiesp, Edson Takashi Kondo e Luiz Antonio Arthuso, ambos da Secretaria da Fazenda. Presidiu os trabalhos Vanessa Domene, diretora-titular-adjunta do Departamento Jurídico da Fiesp.