Reforçado por Renan, Sesi-SP quer a vitória para garantir a vaga direto na semifinal

Lucas Dantas, Agência Indusnet Fiesp 

Mais um reforço para a temporada 2013 entrará em quadra pelo Sesi-SP. Chegou a vez do gigante de 2,17m Renan vestir a camisa do time da indústria para mais um importante desafio pelo Campeonato Paulista. Neste sábado (31/08), o Sesi-SP joga em casa, no Ginásio da Vila Leopoldina, onde enfrenta o atual líder da competição, o Vôlei Brasil Kirin, na luta pela vaga direta na semifinal do campeonato. As duas equipes possuem cinco vitórias, mas como o time de Campinas tem um set contra a menos (3 a 4), ocupa a primeira posição. O líder desta fase não precisará jogar as quartas de final, indo direto para o confronto que define a finalíssima.

O oposto Renan, que estreia pelo Sesi-SP neste sábado (31/08) na Vila Leopoldina, em amistoso contra o São José dos Campos. Foto: Hélcio Nagamine/Fiesp

Para o estreante da tarde, começar a jogar pelo Sesi-SP num jogo de tamanha importância é mais um fator de motivação para entrar em quadra e fazer o melhor. “É tudo diferente, lugar novo, time novo, foram oito anos em São Bernardo e agora é uma nova história. E nada melhor do que começar num jogo como esse, logo numa decisão”, afrimou o oposto, que depois de muito tempo enfrentando o time da indústria, agora terá a oportunidade de jogar ao lado dos “chatos” rivais.

“Eu fui muito bem recebido pela equipe. O Sesi-SP era o time mais chato e competitivo para jogar contra, os caras endureciam mesmo, perturbavam, mas tudo dentro do jogo. Todo mundo queria ganhar e jogar contra eles não era nada fácil. Mas o pessoal me acolheu muito bem e essa nova fase da minha vida está começando exatamente como eu queria. Estou muito feliz e com certeza o Sesi-SP será uma experiência fantástica para mim”, completou o camisa 1.

Renan, reforço do Sesi-SP. Foto: Everton Amaro/Fiesp

Para o Sesi-SP, só a vitória interessa. Por isso, o treinador Marcos Pacheco usará a força máxima à disposição e conta com a torcida para pressionar os visitantes e buscar o resultado. E a presença de Renan é mais uma arma que Pacheco pretende usar para variar o jogo contra o Vôlei Brasil.

“O Renan me dá mais uma opção. Com ele e Evandro, eu tenho dois opostos de características diferentes para o jogo. Um é canhoto e o outro é destro, por exemplo, o que dificulta o bloqueio adversário. Não vou dizer quem sai jogando, mas gosto de ter a possibilidade de trocar o time dessa maneira”, apontou o treinador, que elogiou o Vôlei Brasil, que manteve a base do Medley, equipe que treinou na temporada passada.

“A base vice-campeã se manteve, é muito experiente, e ainda chegaram novos e talentosos atletas. Tem jogadores de seleção e a própria campanha mostra que esse será, com certeza, o jogo mais difícil desta fase. A diferença de um ponto mostra o equilíbrio que existe entre os dois times. Portanto, precisaremos estar atentos o jogo inteiro e contamos com o barulho da arquibancada para atrapalhar”, concluiu o treinador.

Serviço
Campeonato Paulista de Vôlei Masculino 2013
Jogo: Sesi-SP x Vôlei Brasil Kirin

Data e Horário: 31 de agosto, sábado, às 17h
Local: Ginásio da Vila Leopoldina (Rua Carlos Weber, 835, Vila Leopoldina, São Paulo)
Entrada Franca