Sesi-SP: inauguração em Pirassununga concretiza projeto iniciado em 2010

Dulce Moraes, Agência Indusnet Fiesp

No dia 8 de abril de 2010, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), Paulo Skaf, esteve em Pirassununga, para o lançamento de pedra inaugural de uma nova escola do Sesi-SP na cidade.

Skaf percorreu – junto com professores, alunos e autoridades da cidade – o terreno de 20,1 mil m² onde seria instalada a nova escola e teve a chance de visualizar, ainda no papel, o projeto de como seria esse novo espaço de educação de qualidade.

Naquele mês, no dia 27, Skaf se encontrou com prefeitos de 10 municípios paulistas e reiterou os investimentos do Sesi-SP e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP) em educação básica e ensino profissionalizante, em várias cidades.

Três anos depois 

Dia 3 de maio de 2013, professores, alunos, familiares e a população da cidade de Pirassununga podem ver a realização do projeto.

Uma nova escola, com arquitetura moderna e funcional, projetada com 16 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca escolar com acervo atualizado, dois laboratórios de informática educacional, um laboratório de ciência e tecnologia, outro de química e biologia e outro de  física. Há ainda  salas multidisciplinares, de artes cênicas, de atendimento aos pais, cozinha com despensa e refeitório e quadra poliesportiva coberta.

Nova escola do Sesi-SP em Pirassununga vai atender 1.094 estudantes

Guilherme Abati e Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

A inauguração da nova unidade educacional do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), a nona somente no ano de 2013, movimentou a cidade de Pirassununga na manhã desta sexta-feira (03/05), em evento que contou com a presença de autoridades e da comunidade do município situado a aproximadamente 200 km da capital.

No total, a escola vai atender 1.094 alunos, dos quais 463 em tempo integral. No ensino médio, há vagas para 192 jovens.

Paulo Skaf ressaltou a importância de professores estarem satisfeitos. Foto: Everton Amaro/Fiesp

 

Na cerimônia, o presidente do Sesi-SP e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, afirmou que educação de qualidade se faz com professores capacitados e satisfeitos.

“Dedicar-se inteiramente a projetos educacionais é de uma satisfação incomensurável. É um prazer especial”, afirmou Skaf. “Brasil sustentável só é possível com ensino de qualidade”, completou.

Somente este ano já foram inauguradas oito unidades do Sesi-SP nos municípios de Presidente Epitácio, Mococa, Tambaú, Guararapes, Votuporanga, Vinhedo, Americana e Bragança Paulista e uma do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), em Ourinhos.

Cerimônia

Walter Vicioni Gonçalves destacou que o Sesi-SP oferece educação básica de qualidade. Foto: Everton Amaro/Fiesp

A inauguração de Pirassununga dá continuidade ao novo modelo educacional que prevê a oferta de ensino fundamental em tempo integral, ensino médio articulado com a educação profissionalizante do Senai-SP.

“Temos atravessado o estado inteiro e é uma alegria imensa ver mais um Sesi-SP nascendo. Mais um local de educação básica de qualidade”, afirmou Walter Vicioni Gonçalves, superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP.

A prefeita de Pirassununga, Cristina Aparecida Batista, elogiou a iniciativa. “Hoje é um dia de festa para todos nós de Pirassununga. Estamos recebendo um enorme presente. Quero parabenizar pelo trabalho em prol da educação e da nossa juventude”, disse a prefeita.

A cerimônia contou com presença de três alunos representantes do Try Rugby-SP, projeto inédito do esporte no Brasil realizado em parceria com o British Council e a Premiership Rugby, a liga do esporte na Inglaterra. Matheus Oliveira (Sesi-SP de Rio Claro), Arthur Henrique (Sesi-SP de Araras), Rebeca Lourenço (Sesi-SP de Mogi Guaçu) e outros nove alunos de outras escolas do Sesi viajam para um intercâmbio em Londres.

Estrutura

A escola do Sesi-SP em Pirassununga foi construída em um terreno de  20,1 mil m² e projetada com 16 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca escolar com acervo atualizado, dois laboratórios de informática educacional, um laboratório de ciência e tecnologia, outro de química e biologia e outro de  física.

Há ainda salas multidisciplinares, de artes cênicas, de atendimento aos pais, cozinha com despensa e refeitório e quadra poliesportiva coberta.

A unidade oferece ensino fundamental em tempo integral, o que permite que os alunos permaneçam nos períodos da manhã e tarde na escola realizando vivências complementares de esporte, arte, cultura e tecnologia, além das refeições diárias compostas de café da manhã, almoço e lanche da tarde.

Como todas as escolas do Sesi-SP, a unidade aplica a metodologia “Sistema Sesi-SP de Ensino” que engloba processos de ensino, aprendizagem e pesquisa. Essa concepção educacional parte da perspectiva de que toda criança ou adolescente é capaz de aprender se lhe forem oferecidas boas situações de aprendizagem.

Outro diferencial é o material didático desenvolvido exclusivamente pelo Sesi-SP.

 

Sesi-SP inaugura nova escola em Pirassununga na sexta-feira (03/05)

Agência Indusnet Fiesp

Localização de Pirassunga

O município de Pirassununga, localizado a cerca de 200 km da capital paulista, será o próximo beneficiado com a instalação de uma nova escola do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP).

Na próxima  sexta-feira (03/05), o presidente da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, Paulo Skaf, participará da inauguração da nova unidade do Sesi-SP na cidade. A cerimônia, aberta à população, tem início às 9 horas, na Av. Tenente Olympio Guiguer, 2.455.

Este é mais um passo para a consolidação do novo modelo educacional da entidade, iniciado em 2007, e que prevê a oferta de ensino fundamental em tempo integral, ensino médio articulado com a educação profissionalizante do Senai-SP e a construção de 70 escolas no estado. Neste ano, já foram inauguradas oito unidades do Sesi-SP nos municípios de Presidente Epitácio, Mococa, Tambaú, Guararapes, Votuporanga, Vinhedo, Americana e Bragança Paulista e uma do Senai-SP, em Ourinhos.

Estrutura e qualidade de ensino

Novas instalações da escola Sesi-SP em Pirassunga. Foto: Everton Amaro/FIESP

A escola do Sesi-SP em Pirassununga foi construída em um terreno de  20,1 mil m² e projetada com 16 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca escolar com acervo atualizado, dois laboratórios de informática educacional, um laboratório de ciência e tecnologia, outro de química e biologia e outro de  física.

Há ainda  salas multidisciplinares, de artes cênicas, de atendimento aos pais, cozinha com despensa e refeitório e quadra poliesportiva coberta.

A escola foi construída em um terreno de 20,1 mil m² Foto: Everton Amaro/FIESP

A unidade oferece ensino fundamental em tempo integral, o que permite que os alunos permaneçam nos períodos da manhã e tarde na escola realizando vivências complementares de esporte, arte, cultura e tecnologia, além das refeições diárias compostas de café da manhã, almoço e lanche da tarde.

Dos 1.094 estudantes, 463 serão atendidos em tempo integral. A escola também oferecerá ensino médio para 192 alunos.

Diferencial de ensino

Como todas escolas do Sesi-SP, a unidade aplica a metodologia Sistema Sesi-SP de Ensino que engloba processos de ensino, aprendizagem e pesquisa. Essa concepção educacional parte da perspectiva de que toda criança ou adolescente é capaz de aprender se lhe forem oferecidas boas situações de aprendizagem.

Outro diferencial é o material didático desenvolvido exclusivamente pelo Sesi-SP.

 

Promessa cumprida

Em maio de 2010, o presidente da Fiesp, Ciesp, Sesi-SP e Senai-SP, Paulo Skaf, esteve na cidade de Pirassununga, para fazer o lançamento de pedra inaugural da escola do Sesi-SP.

Veja as fotos desse momento: