Senai-SP tem dois projetos em primeiro lugar no Inova Senai

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

Em resultado anunciado na manhã deste sábado (17/11), em São Paulo, dois projetos paulistas ficaram com o primeiro lugar na edição 2012 do Inova Senai, nome do programa em que alunos, docentes, técnicos e consultores dos departamentos regionais do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) em todo o país podem inscrever processos e projetos inovadores em gestão e tecnologia que tenham alinhamento com interesses e necessidades da indústria brasileira.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540360399

O grupo da Escola Senai Professor Dr. Euryclides de Jesus Zerbini , de Campinas, vencedor na categoria voto popular. Foto: Everton Amaro

Os projetos paulistas agraciados são: “Petit Gateau de Café com Leite”, de alunos e docentes da Escola Senai Professor Dr. Euryclides de Jesus Zerbini do Senai-SP, em Campinas, mais bem colocado na votação popular; e “Entalhe Automatizado para Instalação de Fechaduras em Portas de Madeira”, de alunos e docentes da Escola Senai Gaspar Ricardo Júnior, primeiro lugar na categoria Produto Inovador.

Na categoria Serviço Inovador, única a distribuir prêmio em dinheiro, venceu o projeto “Certificação ambiental de edifícios”, do Senai-ES, que receberá R$ 300 mil em incentivos para a implantação. Nas outras duas categorias, Produto Inovador e Processo Inovador, cada integrante das equipes que ficaram nos três primeiros lugares ganharam equipamentos eletrônicos – notebooks (1º lugar), tablets (2º lugar) e smartphone (3º lugar).

Ao todo, 50 projetos de 15 estados concorreram. Os competidores foram premiados ainda com medalhas e troféus em cerimônia no hotel Holiday Inn, anexo ao Pavilhão de Exposições do Anhembi, onde acontece a 7ª Olimpíada do Conhecimento. A animação ficou por conta do humorista Fábio Porchat, mestre de cerimônias do evento.

Em pronunciamento antes da premiação, o diretor regional do Senai-SP, professor Walter Vicioni Gonçalves, parabenizou os participantes em nome do presidente do Senai-SP e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, ausente em função de compromisso internacional.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540360399

Walter Vicioni, o docente Rodrigo Jacomini e o aluno Djeilson Santos - ambos da unidade Sorocaba do Senai-SP. Foto: Everton Amaro.

Citando os 70 anos da instituição, Vicioni disse que tradição e progresso não são inimigos. Segundo ele, o Senai continua fiel aos propósito dos seus fundadores, de servi-la, servindo de instrumento de aperfeiçoamento do trabalhador brasileiro, mas procura novos meios de atender às demandas de renovação tecnológica da indústria. “Isso é curvar-se ao progresso. Sob inspiração permanente, o Senai se renova, perseverando, e isso é inovação.”

A classificação final das categorias:

Processo Inovador:
1° lugar: Simulador Didático de Soldagem Industrial TIG e MIG/MAG (Alagoas)
2° lugar: Resíduo de Pó de Rocha para Coagulação no Tratamento de Efluentes industriais (Paraná)
3° lugar: Estudo de Aplicação do Biogás gerado em Curtumes, no Ambiente Urbano (Rio Grande do Sul)

Produto Inovador:
1° lugar: Entalhe Automatizado para Instalação de Fechaduras em Portas de Madeira (São Paulo)}
2° lugar: Elaboração de Queijo tipo Petit Suisse a partir de Proteínas do Soro de Leite (Santa Catarina)
3° lugar: Espectrofotômetro Portátil com LED RGB para Análises Químicas e Biológicas (Santa Catarina)

Serviço Inovador:
1° lugar: Certificação Ambiental de Edifícios (Espírito Santo)
2° lugar: Plataforma WEB 2.0 para Projetos de Crowdsourcing (Paraná)
3° lugar: Estudo Quantitativo da Poluição Atmosférica em Curtumes (Rio Grande do Sul)