Sesi-SP fica com 11º lugar no José Finkel de Natação. Minas é o campeão

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Com 2333,5 pontos, a equipe de Belo Horizonte superou a do Clube Regatas Flamengo (2314,5 pontos)

Depois de seis dias de programação no Sesi Vila Leopoldina, o Troféu José Finkel de Natação foi encerrado neste sábado (25/08) deixando saudades. O campeonato brasileiro da modalidade recebeu grandes nomes do esporte, como os medalhistas olímpicos Cesar Cielo e Thiago Pereira, e registrou a quebra de  24 recordes de campeonato e seis recordes brasileiros e sul-americanos em competições individuais e de revezamento.

O Sesi-SP terminou a competição no 11º lugar geral,  motivo de orgulho para o técnico da equipe, Fernando Possenti. “O resultado foi melhor do que o esperado. Nossa expectativa era ficar na 20ª colocação, já que a nossa equipe participou de uma competição adulta.”

O título geral ficou com o Minas Tênis Clube.  Com 2333,5 pontos, a equipe de Belo Horizonte  superou a do Clube Regatas Flamengo ( 2314,5 pontos). Esta edição do Troféu José Finkel contou com a participação de 443 atletas de 49 equipes de todo o Brasil.

Para o supervisor de natação do Sesi-SP, Nilson Garbaz, a participação de 11 atletas no José Finkel foi motivo de grande orgulho para instituição. “Para equipe do Sesi-SP,  que conta com muito atletas da categoria de base,  a conquista do índice para o campeonato brasileiro é motivo de grande orgulho. Ao longo da competição eles ganharam muita experiência,  nadando ao lado dos melhores atletas do mundo”, afirmou.

Além disso, o supervisor de natação acredita que a competição foi uma importante ferramenta motivacional para o desenvolvimento técnico dos atletas da indústria paulista: “O fato da competição ser realizada aqui [Sesi Vila Leopoldina] e dentro da piscina onde eles treinam também foi um fator a mais de motivação, tanto que no revezamento e também em algumas provas individuais os atletas cresceram e melhoraram as suas marcas”, avaliou.


Resultados do sábado

Na disputa dos 100 metros costas masculino, o recordista sul-americano Guilherme Guido conseguiu o índice para disputa do Campeonato Mundial de Natação, em Istambul, com o tempo de 50s57. Na prova feminina, o título ficou com a recordista sul-americana e campeã brasileira, Fabiola Molina, com a marca de 58s88.

Nicholas Santos confirmou o seu favoritismo na prova dos 50 metros borboletas. Com o tempo de 22s22, o atleta do Flamengo derrotou o companheiro de equipe Cesar Cielo, que ficou com o 2º lugar, com a marca de 22s40.

“Fiquei feliz com o resultado, 22s22 é a minha melhor marca pessoal em piscina curta, comparado com o meu tempo de piscina longa dá para melhorar este índice”, afirmou Santos no final da prova.

Na prova dos 4×100 medley, a equipe feminina do Sesi-SP terminou a competição na 8ª colocação, com a marca de 4m34s41. O vencedor foi o Minas Tênis Clube, com o tempo de 3m58s38.  Na disputa masculina, o Sesi-SP ficou na 8ª colocação, com o tempo de 3m57s42 – o campeão foi o Clube Regatas Flamengo, com 3m27s34.

 

Leia mais