INSS renova com Fiesp e Senai-SP acordo para reabilitação profissional

Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Fiesp e do Senai-SP, Paulo Skaf, assinou nesta segunda-feira (29 de janeiro) termo aditivo para renovar o acordo de cooperação em reabilitação profissional firmado com o INSS em outubro de 2017. Pelo INSS firmou seu presidente, Francisco Paulo Soares Lopes, que defendeu a ampliação da parceria. A cerimônia foi realizada no prédio da Fiesp e do Senai-SP.

“Essa renovação é para que este ano ampliemos para mais de 2.000 pessoas recapacitadas e no ano seguinte de forma exponencial para o Brasil”, disse Lopes. “Precisamos acabar rápido com a fila de espera de pessoas para voltar ao mercado de trabalho.”

No mesmo dia houve a aula inaugural, no Senai A. Jacob Lafer, do curso para os primeiros inscritos no programa. Visitaram o local o diretor da Fiesp Sylvio de Barros, o diretor técnico do Senai-SP, Ricardo Terra, e o presidente do INSS. “Bastante esperançoso o trabalho”, disse Barros, ao descrever o início da primeira turma, com 23 pessoas.

“Nosso objetivo é que as empresas não tenham afastamento de pessoas, o que incide em seus custos, sem tê-las no trabalho”, explicou Barros. Há um processo de reabilitação física no Sesi-SP e de recapacitação profissional no Senai-SP. “A equação é boa; todos vão ganhar.”

Ouça o áudio desta notícia:

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540228317

Paulo Skaf e Francisco Lopes na cerimônia de assinatura do aditivo. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Foto: Paulo Skaf visita feira ‘Reabilitação 2012’ no Anhembi

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540228317

Na foto: Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), e Ricardo Oliva, diretor da Divisão de Qualidade de Vida do Sesi-SP. Foto: Junior Ruiz

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, visitou no início da tarde desta sexta-feira (17/08), no Anhembi, a 10º Feira Internacional de Produtos, Equipamentos, Serviços e Tecnologia para Reabilitação, Prevenção e Inclusão (‘Reabilitação 2012), evento dedicado a profissionais envolvidos com o ato de reabilitar, integrar e cuidar da saúde de pessoas com deficiências.

Skaf, também presidente do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), passou pelo estande das entidades na feira, onde conheceu produtos e serviços da área e dois labradores do Projeto Cão-Guia do Sesi-SP.

Em seus três dias de programação, a feira reuniu cerca de 150 expositores nacionais e internacionais. Participaram do evento, que incluía um fórum, a unidade “Ítalo Bologna” do Senai-SP, de Itu (SP), e a Divisão de Qualidade de Vida do Sesi-SP.

Senai-SP e Sesi-SP participam da Feira e Fórum Reabilitação 2012

Edgar Marcel, Agência Indusnet Fiesp

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-SP) e o Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) estarão  na 10ª Feira Internacional de Produtos, Equipamentos, Serviços e Tecnologia para Reabilitação, Prevenção e Inclusão – Reabilitação 2012, que acontece de 15 a 17 de agosto no Palácio de Convenções do Anhembi, em São Paulo.

O evento, dedicado a profissionais envolvidos com reabilitação, saúde e integração de pessoas com deficiência, reúne 150 empresas brasileiras e internacionais. São esperados mais de 20 mil visitantes nos três dias de feira.

O Senai-SP, por meio de sua escola “Ítalo Bologna” (Itu-SP) e da sua Gerência de Assistência à Empresa e à Comunidade (do Gaec), e o Sesi-SP, por intermédio de sua Gerência de Reabilitação, participarão da feira para divulgar seus produtos e serviços da área Hospitalar e Reabilitação. O endereço do estande das entidades é Rua FG, nº 33.

Paralelamente à feira, haverá rodada de seminários e congressos:

XXIII° Congresso Brasileiro de Medicina Física e de Reabilitação

Realizado pela Associação Brasileira de Medicina Física e Reabilitação, o Congresso reúne médicos fisiatras, foniatras, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, psicólogos, fonoaudiólogos, enfermeiros, nutricionistas, pedagogos, técnicos de órteses e próteses, entre outros, para discutir os mais modernos temas relacionados à reabilitação física.

6° Congresso de Reabilitação 

Promovido pelo Centro Brasileiro de Segurança e Saúde Industrial (CBSSI) e Sesi-SP, o Congresso discute a reabilitação e promoção da saúde profissional, além de apresentar cases internacionais de sucesso.

4° Encontro Internacional de Tecnologia e Inovação para pessoas com deficiência

O Encontro é promovido pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo e reúne profissionais, palestrantes, usuários e empresas para falar sobre os avanços nos processos de reabilitação e atividades da vida diária das pessoas com deficiência.

2º Seminário de Tecnologia em Órteses e Próteses Ortopédicas e Reabilitação

Realizado pela Abotec (Associação Brasileira de Ortopedia Técnica).

Serviço

10° Feira Internacional de Produtos, Equipamentos, Serviços e Tecnologia para Reabilitação, Prevenção e Inclusão – Reabilitação 2012
Local: Pavilhão de Exposições do Anhembi-SP
Endereço: Av. Olavo Fontoura 1209 – Portão 39
Data: 15 a 17 de agosto de 2012
Horário: Das 10h às 19h
Mais informações no site http://www.reabilitacao.com/


Público e privado unem esforços em reabilitação

Cesar Augusto, Agência Indusnet Fiesp

Experiências tanto no setor público quanto privado se mostram eficazes na luta contra a reincidência e reestruturação da cidadania do indivíduo que cumpre ou já cumpriu pena de prisão. Em Goiás, a Cia. Hering implantou fábricas intramuros, que empregam detentos em regime fechado no Estado. A experiência beneficia os apenados com ajuda de custo e remissão de pena proporcional aos dias trabalhados.

Para o gerente da Plataforma Goiás da Cia. Hering, Cláudio Schwaderer, é impressionante a diferença que a capacitação e o trabalho fazem na vida das pessoas. “Muitas vezes um banho de água quente, um sabonete, um par de sapatos já têm um significado enorme. É incrível para quem está longe dessa realidade como são coisas importantes para eles”, observou. “Essas coisas ajudam a resgatar a cidadania.”

O prefeito de Sorocaba, Vitor Lippi, é outro que empolga ao falar dos resultados dos programas implantados na cidade, no modelo de cooperativas. “Temos dois tipos, por onde já passaram mais de 800 pessoas nos últimos anos.” Segundo Lippi, 80% dos cooperados acabam conseguindo se reinserir no mercado de trabalho e, até o momento, nenhum voltou a cometer crimes. Todos eles recebem ajuda de custo e remissão de pena.