São Paulo ocupa a 1ª posição em ranking do Ciesp sobre exportações do Estado em 2014

Agência Ciesp de Notícias

A Diretoria Regional do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) em São Paulo ocupa a primeira posição no Ranking dos Exportadores, divulgado nesta quarta-feira (28/01) pelo Ciesp e pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). O levantamento mede a participação de 39 regiões paulistas nos US$ 57,8 bilhões da pauta exportadora estadual, responsáveis por 25,7% do montante vendido pelo Brasil no mercado global no acumulado do ano de 2014.

A remessa de produtos ao exterior dos oito municípios (Caieras, Embu-Guaçu, Francisco Morato, Itapecerica da Serra, Juquitiba, São Lourenço da Serra e São Paulo) que compõem a Regional do Ciesp São Paulo em 2014 caiu 14,8% em relação ao mesmo período de 2013, passando de US$ 8,68 bilhões para US$ 7,39 bilhões.

As importações caíram 0,9%, passando de US$ 14,38 bilhões para US$ 14,26 bilhões, entre o acumulado no ano de 2013 e o mesmo período de 2014. A corrente de comércio regional teve retração de 6,1%, indo de US$ 23,06 bilhões para US$ 21,65 bilhões.

O saldo da balança comercial, no acumulado no ano de 2014, foi deficitário em US$ 6,86 bilhões, enquanto, no mesmo período de 2013, o saldo foi deficitário em US$ 5,70 bilhões, um aumento de 20,4%.

Nas exportações da região, os destaques são: Sementes e frutos oleaginosos, grãos, sementes e frutos diversos, plantas industriais ou medicinais, palhas e forragens (US$ 1,5 bilhão); Açúcares e produtos de confeitaria (US$ 1,4 bilhão); Café, chá, mate e especiarias (US$ 474,0 milhões). Os principais destinos das exportações da região foram: China (20,2% do total exportado); Estados Unidos (9,1%) e Holanda (6,1%).

Nas importações da região, os destaques são: Reatores nucleares, caldeiras, máquinas, aparelhos e instrumentos mecânicos e suas partes (US$ 2,2 bilhões); Máquinas, aparelhos e materiais elétricos, e suas partes, aparelhos de gravação ou de reprodução de som, aparelhos de gravação ou de reprodução de imagens e de som em televisão, e suas partes e acessórios (US$ 1,8 bilhão); Produtos farmacêuticos (US$ 1,3 bilhão). As principais origens dos produtos importados pela região foram: China (22,5% do total importado); Estados Unidos (20,7%) e Alemanha (9,9%).

O município de São Paulo é o principal exportador da região, respondendo por 99,0% das exportações da região, além de ser o principal importador, respondendo por 95,0% das importações da região.

No segundo lugar do ranking, a Diretoria Regional de São José dos Campos alcançou US$ 6,2 bilhões no acumulado do ano de 2014, 3,4% superior ao acumulado no mesmo período de 2013, US$ 6,0 bilhões. O principal responsável foram as aeronaves, com 57,6% da pauta exportadora da região.

A Diretoria Regional de Santos obteve o terceiro lugar no ranking exportações, com um volume de US$ 4,4 bilhões no acumulado do ano de 2014, 25,3% a menos do que foi exportado no mesmo período do ano anterior, US$ 5,9 bilhões. O destaque foi o açúcar (22,7% da pauta).

A pesquisa do Ranking dos Exportadores foi elaborada pelo Departamento de Estudos e Pesquisas Econômicas (Depecon) em conjunto com o Departamento de Relações Exteriores (Derex) do Ciesp e da Fiesp, a partir de dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

>> Conheça os resultados da pesquisa completa do Ranking dos Exportadores