Alunos da faculdade Senai-SP obtiveram nota máxima no Enade, destaca Vicioni

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539802843

Superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni, faz balanço do ano. Foto: Helcio Nagamine

“Dois mil e doze foi um ano simplesmente maravilhoso para o Sesi-SP [Serviço Social da Indústria] e o Senai-SP [Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial]”, declarou o superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni, durante a entrevista coletiva sobre o balanço do ano de 2012 e perspectivas para 2013, realizada nesta terça-feira (18/12), na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Entre os avanços realizados pela indústria paulista na área da educação, Vicioni destacou o desempenho dos estudantes dos cursos superiores de tecnologia de automação industrial e tecnologia em fabricação mecânica da Faculdade Senai-SP, que obtiveram nota máxima no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

”Fiquei muito impressionado com o resultado porque o Enade, além de avaliar o desempenho dos alunos, também analisa o currículo dos professores. Isso mostra que estamos no caminho certo. Hoje as faculdades do Senai-SP estão no mesmo nível de excelência das universidades tradicionais”, avaliou o diretor regional do Senai-SP.

Educação de excelência

No entendimento de Vicioni, os investimentos feitos na gestão do presidente da Fiesp, do Sesi-SP e do Senai-SP, Paulo Skaf, na educação básica de qualidade foram decisivos para que os alunos do ensino regular do Sesi-SP superassem, com 10 anos de antecedência, a meta estabelecida pelo movimento Todos Pela Educação.

“A nota alcançada pelos alunos do Sesi-SP na Prova Brasil [realizada pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica – Saeb] deste ano foi superior à meta proposta pelo movimento Todos Pela Educação para 2022”, sublinhou o superintendente do Sesi-SP, destacando o empenho de Skaf, para quem a educação é principal ferramenta de mudança social.

“O Sesi-SP e o Senai-SP oferecem uma oportunidade de mudança não só para os seus alunos, mas para toda comunidade. Com isso, eles [estudantes] poderão construir o seu caminho e terão oportunidades iguais no mercado de trabalho”, salientou Vicioni. E completou: “Eu sempre digo que enquanto estivermos sob a regência do presidente Paulo Skaf estas instituições de ensino continuarão sendo um sucesso”.