Fiesp faz campanha na TV pela aprovação da MP dos Portos

Agência Indusnet Fiesp 

Em mais uma iniciativa para sensibilizar os parlamentares no Congresso, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) lançou na terça-feira (07/05) mais uma etapa da campanha pela aprovação da Medida Provisória 595, a MP dos Portos.

Os anúncios na TV têm duas versões – de 60 e 90 segundos. Em um helicóptero, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, mostra alguns dos problemas gerados pela ineficiência do atual modelo que regula os terminais portuários. Entre eles, os milhares de contêineres esperando embarque; os comboios quilométricos de caminhões parados nas estradas antes de descarregar mercadorias; e as dezenas de navios nas imediações do porto de Santos aguardando a vez de atracar.

“Tudo isso custa caro para o Brasil. Por exemplo: uma geladeira produzida aqui custa R$ 150 para ser exportada. E nos países competitivos, apenas R$ 50 – três vezes menos. Está na hora de participarmos mais das coisas do nosso país, criticando o que está errado e apoiando o que está certo”, diz Skaf.

“Senhores parlamentares, a Medida Provisória 595, da presidente Dilma, se aprovada, modernizará os portos brasileiros, aumentando sua eficiência, baixando custos através de maior concorrência, estimulando bilhões de reais em investimentos, beneficiando assim, a todos os brasileiros. Senhores parlamentares, o Brasil conta com o seu voto”, conclui o presidente da Fiesp.

Veja o anúncio  de 60 segundos 

 

Fiesp faz campanha pela aprovação da MP 579 em rádios e TVs

Agência Indusnet Fiesp

Depois de publicar anúncios nos principais jornais e revistas semanais do país, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) lançou nesta semana uma campanha em emissoras de rádio e televisão pela aprovação da Medida Provisória 579.

A população pode manifestar seu apoio a aprovação da MP 579 pela internet  no site www.energiaaprecojusto.com.br.

 

No anúncio de um minuto na TV, com estreia nesta quinta-feira (29/11), o presidente da entidade, Paulo Skaf, explica que a presidente Dilma Rousseff elaborou a Medida Provisória 579, que, a partir de janeiro, vai reduzir em torno de 20% todas as contas de luz, mas que empresas estatais de energia, que “vêm cobrando durante anos e anos preços absurdos e injustos”, estão “fazendo um grande lobby, junto a deputados e senadores, para derrubar a lei”.

O vídeo será veiculado em emissoras como a TV Globo, inclusive com inserções nos programas de maior audiência, nos intervalos de novelas e do Jornal Nacional, e também em emissoras como SBT, Record, Bandeirantes e Rede TV. O plano de mídia inclui veiculação na capital e no interior – em redes de regiões como Bauru, Campinas, Ribeirão Preto, Taubaté e Presidente Prudente. A capital federal, Brasília (DF), também terá inserções. A campanha inclui spots em rádios.

Veja o que diz o presidente da Fiesp no anúncio:

“Sou Paulo Skaf, presidente da Fiesp. Há mais de dois anos lutamos contra o preço da conta de luz no nosso país – uma das mais caras do mundo. Neste momento, tenho duas notícias importantes para vocês. Uma boa e uma ruim. A notícia boa é que a presidente Dilma entrou nessa briga e fez a Medida Provisória 579, que, a partir de janeiro, vai reduzir em torno de 20% todas as contas de luz. A notícia ruim é que umas poucas empresas estatais de energia que vêm cobrando durante anos e anos preços absurdos e injustos estão fazendo um grande lobby, junto a deputados e senadores, para derrubar a lei da presidente Dilma. Não podemos permitir que isso aconteça. Ligue paras as rádios, jornais, TVs. Use a internet. E mande um recado para o seu deputado, o seu senador. Eles foram eleitos para lhe defender e não para defender os interesses de empresas de energia. [voz de locutor em off e assinatura] Energia a preço justo. Lute por essa conquista.”

Acesse o site da campanha e manifeste seu apoio a aprovação da MP 579: site www.energiaaprecojusto.com.br