Fiesp e SOS Mata Atlântica em encontro com tema ‘Água: saúde, enchentes e escassez’

Solange Sólon Borges, Agência Indusnet Fiesp

A água é elemento vital para o ser humano e o planeta. A falta ou o excesso geram reflexos à saúde, problemas de mobilidade, caos no trânsito e necessidade de racionamento, um tema que entrou forte na pauta do dia de todos os veículos de comunicação e também é discutido no lar dos paulistanos.

Para marcar o Dia Mundial da Água (22/03), a Federação e o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp) e a SOS Mata Atlântica, em parceria inédita, realizam debate com a sociedade, a imprensa, as universidades e a indústria.

Em foco, como e por que a população é atingida pelas enchentes, as doenças transmitidas pela água (diarreia, hepatite e leptospirose) e sua relação direta com o saneamento básico oferecido pelo Poder Público, a proteção dos mananciais ameaçados pela ocupação irregular e a gestão da água a fim de evitar o racionamento.

O encontro contará, na abertura, com a presença dos presidentes da Fiesp, Paulo Skaf, e da SOS Mata Atlântica, Pedro Luiz Passos.

Em seguida, o evento tem dois painéis.

O primeiro, às 11h, conta com a experiência de quem faz jornalismo diário e acompanha os principais fatos relativos à cidade: Rafael Colombo (Rádio Bandeirantes), Patrick Santos (Rádio Jovem Pan), Haisem Abaki (Rádio Estadão/ESPN) e também Malu Ribeiro (coordenadora da Rede das Águas da Fundação SOS Mata Atlântica).

O segundo painel, às 14h30, tem a presença de especialistas a fim de aprofundar o debate: José Eduardo Ismael Lutti (1º Promotor de Justiça de Meio Ambiente da capital), Edison Carlos (Trata Brasil) e Ivanildo Hespanhol (Centro Internacional de Referência em Reúso da Água da Universidade de São Paulo).

Estão programadas mais três atividades. Uma delas será o lançamento do concurso para alunos de universidades parceiras, entre elas, FEI, Mackenzie, São Judas Tadeu, Anhembi-Morumbi, Cruzeiro do Sul, Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), Trevisan, Rio Branco, Unisa, Sumaré, Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP) e Instituto Europeu de Design (FTEID). Os universitários presentes, atentos aos problemas debatidos, deverão apresentar sugestões a fim de integrar o concurso Água: Ideias Inovadoras, Soluções Sustentáveis, com inscrições abertas até 23 de agosto e  premiação em setembro.

Também haverá a assinatura de um protocolo de cooperação entre a Fiesp e Ciesp e a Fundação SOS Mata Atlântica. O objetivo é que as empresas que têm passivo ambiental poderão abatê-lo, via SOS e seu programa Florestas do Futuro, com foco no reflorestamento de áreas importantes para a conservação, no bioma da Mata Atlântica. A Fundação conta com parceria com a Cetesb a fim de possibilitar a integração de empresas, no programa, que devem cumprir os Termos de Compromisso de Recuperação Ambiental (TCRAs) e tenham a intenção de recuperar áreas além do que a lei exige, potencializando os benefícios ambientais.

O encontro se encerrará às 17h com a cerimônia da 9ª edição do Prêmio Fiesp/Ciesp de Conservação e Reúso de Água que este ano contou com 20 cases inscritos.


Serviço

Dia e hora: 18 de março, terça-feira, das 9h às 17h
Local: Av. Paulista, 1313, em frente ao Metrô Trianon/Masp

Acompanhe a programação:

Seminário: Água,Saúde, Enchentes e Escassez