Fiesp recebe visita de prefeito de São Paulo, Fernando Haddad

Juan Saavedra, Agência Indusnet Fiesp

O presidente da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp), Paulo Skaf, recebeu nesta sexta-feira (01/02) o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

Paulo Skaf, presidente da Fiesp, recebe pela primeira vez na Fiesp o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. Foto: Junior Ruiz

Foi a primeira visita do prefeito empossado em 1º de janeiro deste ano. Na pauta, possibilidades de parceria na área educacional e de atuação conjunta na candidatura de São Paulo para sediar a Expo 2020, entre outros temas.

Ao final do almoço, que teve a participação do 1° vice-presidente da Fiesp, Benjamin Steinbruch, e do professor Walter Vicioni, superintendente do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), o prefeito concedeu breve entrevista coletiva.

Veja como foi a entrevista:

Possibilidades de parcerias entre Prefeitura e Sistema Fiesp

Na verdade eu sou fã tanto do Sesi quanto do Senai. Acho que são instituições que já vêm prestando há décadas serviço inestimável ao país. E como prefeito eu não podia deixar de visitar a Fiesp, e meu amigo Paulo Skaf, para já estabelecermos uma carta de intenções, o que nós podemos fazer juntos por São Paulo.

E as possibilidades são inúmeras. Desde um programa para abordar e recuperar moradores de rua, passando por Pronatec [Programa Nacional de acesso ao Ensino Técnico e Emprego], até projetos mais ambiciosos como novas escolas do Sesi e do Senai em São Paulo, com a cessão do terreno pela Prefeitura, e um centro olímpico que nós começamos a discutir hoje também no município de São Paulo. Isso para citar alguns – nós conversamos longamente sobre possibilidades de parcerias.

O ânimo do Paulo é grande – o meu, é equivalente. Acho que vamos fazer um bom trabalho juntos. Eu acompanho o trabalho do Paulo Skaf há muitos anos. Vejo o entusiasmo com que ele trata os projetos do Sesi e do Senai no Estado. Quer fazer mais parcerias na capital. E eu , pelo meu desempenho no Ministério da Educação, de me aproximar do Sistema S, eu conheço com alguma profundidade o que vocês já fazem.

Doação de terrenos

Haddad: "Estamos dispostos a investir nisso. Aumentar a presença do Sesi e do Senai na capital". Foto: Junior Ruiz

Tem um projeto tramitando na Câmara [de Vereadores] que não foi aprovado. Nós nos comprometemos a pedir urgência nesse projeto. Queremos fazer a doação da área na região do Itaquerão para que uma nova escola possa surgir ali. Vai ser vizinha da Fatec, vizinha do estádio, já também vizinha da universidade federal. Nós agora desapropriamos um terreno e estamos encaminhando a doação para o Ministério da Educação. Estamos dispostos a investir nisso. Aumentar a presença do Sesi e do Senai na capital.

Centro de Convenções e Expo 2020

São duas coisas separadas, o Centro de Convenções e a Expo. O Centro de Convenções é um projeto mais antigo, amadurecido. A Expo, a nossa candidatura, que vamos defender este ano, é um desdobramento do primeiro projeto. Nós sabemos que precisamos de um alinhamento com o setor privado, a União e o governo estadual para viabilizar o projeto, que é bilionário, importante para São Paulo. O município precisa unir forças para defender a candidatura.