Curso do Ciesp orienta empresas na contratação de pessoas com deficiência

Mariana Ribeiro, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1545148986

Da esq. p/dir.: Demétrio Zacarias, Walter Vicioni, Walter Gimenes, Alexandre Serpa e Davi Zaia, durante a reunião do Depar II/Ciesp

O Ciesp anuncia as inscrições para a segunda turma do curso Inclusão das Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho, voltado para empresários, gestores e profissionais de recursos humanos. O programa será realizado em dois módulos, com carga horária de 30 horas, nos dias 17, 18, 24 e 25 de maio, em São Paulo.

O objetivo do curso, organizado pela Diretoria de Produtos, Serviços e Negócios do Ciesp, é propiciar aos participantes os conhecimentos e conceitos sobre a obrigatoriedade imposta pela Lei de Cotas (nº. 8213/91), regras e aplicações legais para a contratação de profissionais com algum tipo de deficiência nas empresas brasileiras.

A primeira turma, formada em novembro de 2010, contou com 19 participantes. O diretor de Responsabilidade Social do Ciesp, Vitor Seravalli, apresentou os resultados do treinamento nesta terça-feira (15), durante reunião do Departamento de Ação Regional (Depar II/Fiesp).

A avaliação do curso mostrou que o programa atendeu as necessidades de 100% dos participantes. Todos classificaram o treinamento como ótimo (64%) ou bom (36%).

Aplicação imediata

Imagem relacionada a matéria - Id: 1545148986

Vitor Seravalli apresentou os resultados do treinamento

“A unanimidade de aprovação nos chamou atenção. Percebemos que as empresas têm dificuldades com a questão da inclusão, e o conteúdo oferecido possibilitou aplicação imediata nos negócios”, analisou Seravalli.

Pontos fortes do programa, indicados espontaneamente pelos participantes:

  • Saber como incluir PCD na empresa;
  • Possibilidade de abordagem prática;
  • Aplicabilidade das aulas no trabalho;
  • Elaboração de programa de inclusão;
  • Relatos de PCDs e dinâmicas de sensibilização como deficiente.

Vitor Seravalli também anunciou que o Ciesp deverá aproveitar sua capilaridade no interior paulista para levar o curso às diretorias regionais em 2011, com programação e carga horária adaptadas. “A intenção é que o programa seja referência estadual e nacional”.

A reunião foi presidida pelo diretor-titular do Depar II, Alexandre Serpa. Contou com a participação do superintendente operacional do Sesi-SP e diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni, que fez um balanço das atividades sociais e esportivas das entidades e projeções para 2011; e do secretário estadual de Emprego e Relações do Trabalho, Davi Zaia.

Ele tratou, entre outros temas, do Programa Estadual de Apoio à Pessoa com Deficiência, que já inseriu quase 10 mil pessoas no mercado de trabalho entre 1995 e 2011.

Mais sobre o “Sou Capaz”

O treinamento oferecido para gestores em São Paulo é mais um passo do projeto “Sou Capaz”, braço do programa Capital Humano na Indústria, coordenado pelo Depar/Fiesp, que visa encontrar facilitadores para o cumprimento da Lei de Cotas.

A iniciativa conta com o apoio das unidades do Ciesp no interior para fazer o projeto chegar ao empresariado local. A proposta é identificar onde estão e quantas são as pessoas com deficiência (PCDs), bem como o tipo de sua limitação, capacitá-las e inseri-las no mercado de trabalho.