Senai-SP amplia oportunidade de capacitação profissional a moradores de Paraisópolis

Rosângela Gallardo, Agência Indusnet Fiesp

Da esq. p/ dir.: Walter Vicioni, Paulo Skaf e Gilson Rodrigues parabenizam os formandos da comunidade de Paraisópolis.

 

 

Os onze moradores da comunidade de Paraisópolis que receberam certificados do curso auxiliar eletricista, na noite desta quinta-feira (17), na sede da Fiesp, ganharam mais uma bolsa gratuita para continuarem a se especializar na área.

Logo após o Carnaval, eles poderão ingressar na turma de eletricista instalador da escola Senai Ary Torres, de Santo Amaro, a fim de acrescentar 160 horas de capacitação profissional.

As bolsas foram concedidas pelo presidente da Fiesp, Paulo Skaf, para reforçar a ação social desenvolvida pelo Senai-SP na comunidade.

Contratação

Como primeiro resultado dessa iniciativa, os onze formandos foram contratados pela fabricante mineira Rewatt para instalar 12 mil chuveiros econômicos nas casas de Paraisópolis.

Os equipamentos, desenvolvidos pela própria Rewatt, utilizam nova tecnologia para reciclar o calor da água do banho e reduzir em cerca de 50% o gasto de energia elétrica. Esse benefício motivou a distribuidora Eletropaulo, que desenvolve o programa de eficiência enérgica em núcleos carentes, a doar os chuveiros à comunidade.

“É muito gratificante apoiar essa iniciativa porque contribuímos para ampliar as oportunidades profissionais”, afirmou Paulo Skaf, lembrando que, no ano passado, o Senai-SP efetivou mais de um milhão de matrículas em todas as suas vertentes de educação profissional.

“Acreditamos na força da educação, em todas as esferas, porque ela oferece as ferramentas para a transformação das pessoas e o crescimento sustentável do País,” completou Skaf.

O diretor regional do Senai-SP, Walter Vicioni, reforçou aos estudantes a importância da continuidade dos estudos para o desenvolvimento profissional e o exercício da cidadania plena: “Desde sua criação, em 1942, o Senai-SP defende que a educação deve ser permanentemente continuada”.

Mudanças

Paraisópolis abriga, atualmente, cerca de 90 mil moradores. Segundo Gilson Rodrigues, presidente da União dos Moradores e do Comércio local, a comunidade está passando por um período de intensa transformação social. “Somos protagonistas do maior programa de urbanização da América Latina”, disse.

Rodrigues informou, ainda, que a capacitação na área de costura realizada pelo Senai-SP, em 2009, abriu espaço para a comunidade realizar um projeto de confecção com a marca própria Eu amo Paraisópolis. “Em breve, lançaremos os primeiros produtos no mercado.”

Walter Vicioni, Paulo Skaf, diretores e professores do Senai Ary Torres posam com os alunos que receberam os certificados do auxiliar eletricista na Fiesp.

Paulo Skaf visita Paraisópolis e anuncia cursos de qualificação para a comunidade

Agência Indusnet Fiesp,

Após percorrer ruas e vielas da comunidade de Paraisópolis, na zona sul de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (25) e se encontrar com lideranças da União dos Moradores e Comerciantes, o presidente do Sesi-SP e Senai-SP, Paulo Skaf, anunciou a implantação de cursos de qualificação profissional para a região.

Segundo o presidente, no prazo de 60 dias, a comunidade, que tem uma população de 100 mil habitantes, contará com Unidades Móveis dos Programas de Formação de Mão-de-Obra, Alimente-se Bem e Costureira Industrial, além do curso de formação de Mão-de-obra para a Construção Civil.

Paulo Skaf afirmou que sua visita a Paraisópolis teve como objetivo fazer um diagnóstico da área social, educacional e formação de mão-de-obra para oferecer à comunidade, instrumentos das entidades da indústria que preside e que fazem parte do Sistema Fiesp. “Milhares de trabalhadores moram aqui e, muitos, inclusive, de maneira extremamente precária”, afirmou Skaf. “Sabemos que há muito o que fazer e estamos prontos a ajudar”.

Antes de iniciar o encontro com os líderes comunitários, Paulo Skaf conheceu projetos sociais que já estão em andamento e as obras de infraestrutura que já estão em execução. Acompanhado do presidente da União dos Moradores e Comerciantes de Paraisópolis (UMCP), Gilson Rodrigues, e empresários voluntários, as visitas começaram pelas vielas dos Pássaros, Taubaté, Souza e Casa da Amizade.

Skaf conheceu a EMEI, as obras de 750 apartamentos da CDHU e as do CEU, além do Barracão dos Sonhos, projeto mantido pela comunidade com várias atividades culturais. Em conversas com diversos moradores, Skaf afirmou: “O que os olhos não vêem o coração não sente. É bom conhecer para tomar decisões”, referindo-se ao apoio que o Sesi/Senai-SP pode dar aos moradores locais.

“É a primeira vez, em 60 anos da Paraisópolis, que uma liderança como Paulo Skaf vem até aqui e não fica apenas na área urbanizada da comunidade, mas caminha para conhecer suas vielas, seus moradores e seus problemas”, disse o presidente da União dos Moradores, Gilson Rodrigues. “A parceira com o Sesi/Senai de São Paulo garante para a comunidade qualificação profissional e geração de renda, fundamentais ao nosso desenvolvimento”, completou.

O presidente do Sesi/Senai-SP, Paulo Skaf, visitou ainda o ambulatório montado pelo Hospital Albert Einstein que atende 18 mil pacientes por ano, incluindo cerca de 10 mil crianças.