Alunos do Sesi-SP de São Carlos vencem etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica

Ariett Gouveia, Agência Indusnet Fiesp 

A equipe Asimov I, formada por quatro alunas da unidade de São Carlos do Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) foi a grande vencedora a etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), realizada no Anhembi, em São Paulo. Participaram da competição 160 alunos, que formaram 40 equipes, vindas de 20 cidades do Estado de São Paulo.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1545141219

Equipe Asimov é premiada na Olimpíada de Robótica. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Em 2º lugar, ficou a equipe Xamixugas, da cidade de Cruzeiro e em 3º a FreeBots, da unidade Vila Leopoldina, na capital. As três primeiras colocadas foram classificadas para a etapa nacional da Olimpíada, que será realizada em Fortaleza, em outubro.

A premiação foi feita pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Sesi-SP, Paulo Skaf, pelo superintendente do Sesi-SP, Walter Vicioni Gonçalves, pelo diretor de Educação e Cultura do Sesi-SP, Fernando Carvalho e pelo coordenador Geral da OBR, Flávio Tonidandel.

“Os participantes tiveram um treinamento de apenas 15 dias e fizeram bonito, o que mostra a competência e a inteligência de todos”, disse Skaf, parabenizando todos os alunos. Vicioni destacou a importância do fazer ciência. “O Brasil precisa deixar de ter medo de matemática, de química, de biologia. Nosso objetivo no Sesi-SP é mostrar aos alunos que é possível ir mais longe, desenvolver ciência e tecnologia no país.”

Campeãs

A comemoração da equipe Asimov I foi cheia de lágrimas de emoção. Da unidade de São Carlos, o time foi formado exclusivamente por meninas: Bárbara Patrícia (15), Amanda Marmo (15), Nathiele Pereira (15) e Giovana Thomaz Simião (16).

“Foi essencial para a gente e para o nosso futuro essa vitória”, declarou Nathiele, que contou que a ideia inicial era fazer um robô maior. Mas a equipe enfrentou muitos problemas e decidiu mudar tudo.  E acertaram em cheio, já que com o robô menor, ele passou ter mais agilidade. O resultado não podia ter sido melhor.

“A maior lição que fica é a persistência. Não pode desistir, mesmo que aconteçam algumas coisas erradas. Com garra, com força, com união, a gente supera tudo”, completou Nathiele. Agora, as meninas já pensam na preparação para o próximo desafio. “Agora nosso objetivo é estudar e aprimorar mais nossos conhecimentos”, disse Giovana.

Confira a lista de todos os premiados na Olimpíada de Robótica:

Drones:
Personalização/Customização: Sapere Aude 1 e 2 – Piracicaba
Vídeo de voo: Tecno Scrap e Ravnica – Campinas
Transposição de obstáculos: School Team e Young – Ourinhos

Robótica:
Prêmios especiais
Dedicação:
Olimpianos da Robótica II – Matão
Elegância:
Zatura Team – Sertãozinho
Robustez:
Rescue 420 – Indaiatuba
Inovação:
Megabots Votu – Votuporanga

Modalidade prática – Olimpíada
1º –
Asimov I – São Carlos
2º –
Xamixugas – Cruzeiro
3º –
FreeBots – Vila Leopoldina (São Paulo)