Exposição sobre o Prêmio Nobel no Centro Cultural Ruth Cardoso ‘incentiva as pessoas a serem melhores’

Giovanna Maradei, Agência Indusnet Fiesp

Cerca de 80 alunos do ensino médio da Escola Estadual Constante Ometto, de Pradópolis, no interior de São Paulo, visitaram, nesta sexta-feira (06/12), a exposição “O Prêmio Nobel: Ideias Mudando o Mundo”, no Centro Cultural Ruth Cardoso, que fica no prédio da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), na Avenida Paulista.

Eles puderam conhecer a história do prêmio e de seu criador e até mesmo refletir sobre o futuro da iniciativa. Moderna, a exposição conta com telas e estações interativas que chamaram, e muito, a atenção dos estudantes.

“Eu achei curioso porque é algo novo, se fosse um papel não seria a mesma coisa”, explicou Lívia Lavezo, que estava competindo com seus amigos para ver quem acertava mais perguntas sobre o Nobel.  “Com a brincadeira a gente vai prendendo e se divertindo”, completou seu colega Flávio Pires.

A exposição sobre o Nobel no Centro Cultural Ruth Cardoso: referência para alunos e professores. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

A exposição sobre o Nobel no Centro Cultural Ruth Cardoso: inspiração. Foto: Beto Moussalli/Fiesp


O professor de biologia, Willian Sampaio, concorda com seus alunos. Para ele visitas como essas podem fazer muita diferença no processo de aprendizagem. “Entendendo o contexto em que a ciência é produzida eles podem ficar mais familiarizados com o assunto”, explicou o professor. Sampaio já desenvolve em sua escola um projeto chamado “ciência em cena”, para que os alunos conheçam mais profundamente a história de grandes nomes da ciência, entre eles, é claro, o criador do prêmio, Alfred Nobel.

Depois de conhecer a história do prêmio e descobrir que muitos dos projetos vencedores são utilizados no nosso cotidiano, o desafio dos visitantes é pensar no futuro. Uma instalação coloca diversas descobertas que seriam dignas de destaque e permite que os interessados ouçam argumentos, votem nos seus escolhidos e comparem os seus resultados com os votos da maioria dos visitantes.

Essa foi uma das sessões favoritas dos alunos de Pradópolis, que afirmaram considerar a premiação muito importante, tanto para o reconhecimento de grandes descobertas quanto para a motivação dos seus criadores. O grande mérito do prêmio é “incentivar as pessoas a serem melhores”, afirmou a aluna Tânia Stoco ao final da visita.

A exposição é gratuita e poderá ser visitada até 10 dezembro, dia em que morreu Alfred Nobel e no qual tradicionalmente acontece a premiação.

Serviço

Exposição: O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo
Período: De 12 de novembro até 10 de dezembro (Aberto todos os dias)
Horário: 10h às 20h
Local: Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso – Espaço Fiesp I
Endereço: Av. Paulista, 1313 – tel: (11) 3549-4499
Entrada gratuita

Exposição inédita sobre o Prêmio Nobel está em cartaz no Espaço Fiesp

Agência Indusnet Fiesp 

A trajetória das pessoas e inovações que contribuíram para o progresso da humanidade são o destaque da exposição “O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo”, que tem entrada gratuita e fica em cartaz entre 12 de novembro e 10 de dezembro, das 10h às 20h, no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso. Cinco módulos interativos trazem uma rica coleção de textos, imagens, artefatos, documentos exclusivos, interpretações artísticas originais e técnicas avançadas de importantes laureados, que mudaram o mundo com suas ideias. A mostra é realizada pelo Museu e pela Fundação Nobel, sediados em Estocolmo, na Suécia, em parceria com o Sesi-SP e a Fiesp.

O público terá acesso a informações sobre o Prêmio Nobel, seus vencedores, invenções, critérios de escolha e categorias. Detalhes sobre a vida e obra do químico Alfred Nobel (1833 – 1896), idealizador da premiação e inventor da dinamite e do detonador também são revelados.  Dessa forma, os visitantes poderão conhecer melhor a contribuição e relevância da premiação em diversas áreas como física, química, medicina, literatura, paz e economia.

Entre as preciosidades selecionadas para a exibição em São Paulo, os visitantes poderão ver o caderno de anotações do escritor Mario Vargas Llosa, ganhador do Nobel de Literatura, em 2010. E mais documentos exclusivos, obras de arte e invenções como rádio transistorizado, penicilina, plástico, câmera digital, disco rígido, ponteiro laser, computador e outras ideias que revolucionaram o mundo.

“Estamos satisfeitos em poder difundir, pela primeira vez na América Latina, O Nobel e sua trajetória. Acreditamos que esta exposição inédita traça um resumo do prêmio por meio de modernas tecnologias para a difusão e interação com o público”, diz Mattias Fyrenius, CEO do Nobel Media.

Em cinco módulos com telas touch screen e apresentações interativas, o público fará uma viagem pelos seguintes temas: os critérios e as diferentes categorias dos Prêmios; a vida de Alfred Nobel; o Prêmio Nobel de 1901 até hoje; o Prêmio Nobel em nossas vidas e o Prêmio Nobel e o futuro

Essa será a quarta exposição itinerante promovida pela Fundação e pelo Museu Nobel. “Culturas da Criatividade” aconteceu de 2001 a 2008, “Alfred Nobel”, “Redes de Inovações”, de 2008 a 2011, e “Breve Histórico da Ciência”, em 2012. “Culturas da Criatividade” esteve em 14 lugares, “Alfred Nobel” e “Redes de Inovações” estiveram em seis e “Breve Histórico da Ciência” continua viajando – atualmente, em Cingapura.

Depois de São Paulo, a mostra “O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo” irá para a recém-inaugurada biblioteca da FGV, no Rio de Janeiro, e seguirá para América do Norte, Europa e Ásia. O Museu Nobel, que fica em Estocolmo, na Suécia, recebe a exposição de abril de 2014 a fevereiro de 2015.

Sobre o Museu Nobel

O objetivo do Museu Nobel é difundir conhecimento e criar interesse e discussão em torno das ciências naturais e da cultura, por meio da criatividade e técnicas de exposição, tecnologia moderna e design elegante.

No Museu Nobel é possível saber mais sobre o Prêmio Nobel e seu fundador, assim como os laureados e seus esforços criativos. O Museu Nobel está situado em um edifício de Estocolmo do século 18, com acervo permanente, exposições temporárias, bistrô e loja.

Serviço

Exposição: O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo
Período: De 12 de novembro até 10 de dezembro (aberto todos os dias)
Horário: 10h às 20h
Local: Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso – Espaço Fiesp I
Endereço: Av. Paulista, 1313 – tel: (11) 3549-4499
Entrada gratuita

Ao lado do Rei da Suécia, presidente da Fiesp inaugura exposição ‘O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo’

Guilherme Abati, Agência Indusnet Fiesp

Ao lado de Carl XVI Gustaf, rei da Suécia e patrono da Academia Real Sueca de Ciências e Engenharia, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp),  Paulo Skaf, abriu oficialmente a exposição “O Prêmio Nobel– Ideias Mudando o Mundo”, em cerimônia na noite desta segunda-feira (11/11), no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso.

A exposição é resultado de um convênio entre a Fiesp, o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) e a Câmara de Comércio Sueco-Brasileira. E prossegue até dia 10 de dezembro, sendo aberta ao público diariamente das 10h às 20h.

Para Carl XVI Gustaf, a exposição celebra os benefícios que as criações dos laureados com o Prêmio Nobel proporcionaram à humanidade. “Tais esforços ecoam e continuaram a ecoar para sempre”.

O rei da Suécia, à direita, em cerimônia com Paulo Skaf e demais autoridades: ideias que vão ecoar para sempre. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

O rei da Suécia, Carl XVI Gustaf, à direita, em cerimônia com Paulo Skaf (à esquerda) e demais autoridades: orgulho pelos esforços que vão ecoar para sempre.Foto: Ayrton Vignola/Fiesp


Segundo o monarca, a exposição carrega importância histórica da mais alta magnitude e deve influenciar os jovens brasileiros a investirem na vida intelectual.

Para Olov Amelin, diretor do Museu Nobel, o momento é especial, já que é a primeira vez que a exposição chega a um país latino-americano. “Estamos gratos por abrir a exposição no coração do Brasil”, afirmou.

Segundo Leif Johansson, presidente do Conselho da Academia Real Sueca de Ciências e Engenharia, a inauguração celebra a mistura intelectual sueca e brasileira e as possibilidades que essa interação pode criar. “Com esses trabalhos expostos, nós queremos retratar a vida e o trabalho de todos os laureados com o Nobel. Aqui temos projetos fundamentais, que mudaram a maneira como a humanidade vive”, disse.

Walter Vicioni Gonçalves, superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP), também participou da cerimônia.

Sesi-SP apresenta a exposição ‘O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo’

Agência Indusnet Fiesp 

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539786953

Prêmio Nobel. Foto: Fundação Nobel

O Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) apresenta, na próxima segunda-feira (11/11), a exposição ‘O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo’, no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso.

O evento terá a presença do presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Sesi-SP, Paulo Skaf; do superintendente do Sesi-SP e diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-SP), Walter Vicioni; do rei Carl XVI Gustav; da rainha Silvia da Suécia, do americano David Gross, prêmio Nobel de Física; do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; e do prefeito da capital, Fernando Haddad.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539786953

Caderno de anotações do escritor Mario Vargas Llosa. Foto: Fundação Nobel

A mostra inédita na América Latina é organizada em parceria com o Museu Nobel, sediado em Estocolmo, na Suécia, e reúne objetos e documentos exclusivos sobre a trajetória de descobertas e pessoas que transformaram a humanidade, como o próprio criador da premiação, o químico Alfred Nobel (1833 – 1896).

Entre as preciosidades selecionadas para a exibição em São Paulo, estão o caderno de anotações do escritor Mario Vargas Llosa, ganhador do Nobel de Literatura, em 2010. E mais documentos exclusivos, obras de arte e invenções como rádio transistorizado, penicilina, plástico, câmera digital, disco rígido, ponteiro laser, computador e outras ideias que revolucionaram o mundo.

Serviço
Abertura da exposição ‘O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo’
Data e horário: 11 de novembro, segunda-feira, às 19h30
Local: Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso (Avenida Paulista, 1.313 – Cerqueira César – São Paulo – SP)
Evento exclusivo para convidados