Inaugurada nova escola do Sesi-SP em Americana; unidade homenageia Mendel Steinbruch

Agência Indusnet

Na manhã desta sexta-feira (12/04), o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e do Serviço Social da Indústria (Sesi-SP)., Paulo Skaf, viajou até a cidade de Americana, município a 126 quilômetros da capital paulista, para inaugurar mais uma nova escola do Sesi-SP.

Neste ano, foram inauguradas seis unidades, respectivamente nos municípios de Presidente Epitácio, Mococa, Tambaú, Guararapes, Votuporanga e Vinhedo. Até o primeiro semestre de 2014 está prevista a entrega de 70 escolas, 50 do Sesi-SP e 20 do Senai-SP.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539694819

Paulo Skaf inaugura nova escola do Sesi-SP em Americana. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp


Durante a visita, Paulo Skaf  conversou com professores, funcionários e alunos e conferiu as instalações da nova unidade ensino projetada com 16 salas de aula, duas áreas de convivência, uma biblioteca escolar com acervo atualizado, dois laboratórios de informática educacional, um laboratório de ciência e tecnologia, um laboratório de química e biologia, um laboratório de física, duas áreas de convivência, e quadra poliesportiva coberta, totalizando um investimento de R$ 13 milhões.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539694819

Benjamin Steinbruch participou da inauguração da escola do Sesi-SP Americana, cujo patrono é o seu pai. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Homenagem a Mendel Steinbruch

O 1º vice-presidente da Fiesp, Benjamin Steinbruch, também participou da inauguração da escola, cujo patrono é o seu pai, o empresário Mendel Felipe Steinbruch, um dos fundadores do Grupo Vicunha, o maior grupo têxtil da América Latina. “Estou gratificado pela homenagem ao meu pai”, afirmou.

A nova escola vai atender a 841 estudantes – entre alunos do Ensino Regular e Educação de Jovens e Adultos – do município, que serão beneficiados com um moderno e bem equipado espaço de educação, esporte e cultura.

Durante a solenidade, Skaf anunciou a construção de uma nova quadra poliesportiva na escola do Sesi Americana. Alguns alunos falaram [durante a visita] que precisavam de mais uma quadra. E eu pensando comigo, esses alunos têm razão“, disse Skaf, explicando que com o advento de escolas de dois andares, há necessidade de duas quadras. Os novos projetos [de escolas] vão ser com duas quadras. O terreno do lado é nosso. Ele tem 10 mil metros. Acho que podemos muito bem fazer mais uma quadra.

O presidente da Fiesp e do Sesi-SP afirmou que instituição fará um estudo para avaliar a viabilidade de construção de um teatro no local.“Se [esse estudo] chegar a uma conclusão de que é necessário um teatro, se for possível, faremos, sim, um teatro.”

Skaf reafirmou a importância da educação para a cidadania – “Nós acreditamos que nada é mais importante do que o conhecimento e a educação” – e disse ser muito justa a homenagem à memória de Mendel Steinbruch: “Que saiam muitos jovens que tenham como referência Mendel”.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539694819

Walter Vicioni na inauguração do Sesi-SP Americana. Foto: Ayrton Vignola

A unidade de ensino irá oferecer ensino fundamental em tempo integral, permitindo que os alunos permaneçam nos períodos da manhã e tarde na escola realizando vivências complementares de esporte, arte, cultura e tecnologia, além das refeições diárias compostas de café da manhã, almoço e lanche da tarde.

Mais que um prédio

Presente na solenidade, o superintendente do Sesi-SP, Walter Vicioni destacou a importância da escola na formação plena  do cidadão, relembrando que ela  (escola) é mais do que um simples prédio. “Nela temos a alegria das crianças, a dedicação de professores e de especialistas de ensino, além da presença e participação permanente de pais. Nesta escola criam-se oportunidades de identificar sua vocação e seu projeto de vida e podemos vivenciar a  transformação de cada aluno em um jovem formado para a vida e para o trabalho, consciente dos seus deveres com a família e a sociedade”, afirmou.

Educação de qualidade

A instituição de ensino desenvolve seu próprio material didático, um diferencial da metodologia conhecida como sistema Sesi-SP de Ensino que engloba processos de ensino, aprendizagem e pesquisa. Essa concepção educacional parte da perspectiva de que toda criança ou adolescente é capaz de aprender se lhe forem oferecidas boas situações de aprendizagem.