Marcelo Jeneci se apresenta em Franca e Araraquara

Agência Indusnet Fiesp,

O compositor e músico paulistano Marcelo Jeneci faz shows gratuitos em duas unidades do Sesi-SP: quinta-feira (09/10), em Franca e sexta-feira (10/10) em Araraquara. Em um formato intimista, a apresentação mostra a trajetória do artista, já considerado um dos grandes nomes da música popular brasileira.

Parceiro de Arnaldo Antunes, Chico César e Zé Miguel Wisnik, Marcelo Jeneci vem fazendo sucesso por onde passa. Seu primeiro álbum, Feito pra Acabar, foi eleito um dos melhores de 2010 por diversas publicações musicais. Em 2013, lançou o segundo disco, De Graça, produzido por Kassin e com coprodução de Adriano Cintra, mais um trabalho reconhecido pela crítica e pelo público.

Entre seus maiores sucessos estão as músicas “Felicidade”, “Dar-te-ei” e “Pra sonhar”, considerada esta “homenagem ao amor” e uma das mais tocadas em casamentos pelo Brasil.

Serviço
Marcelo Jeneci
Sesi Araraquara – 9 de outubro, quinta-feira, às 20h
Sesi Franca – 10 de outubro, sexta-feira, às 20h
L – Livre para todos os públicos
Duração: 60 minutos
Gênero: música popular

Entrada gratuita

Festival Sesi Música 2013 tem grande final neste sábado (26/10)

Adriana Santos, Agência Indusnet Fiesp

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539849001

Marcelo Jeneci foi a atração de sexta no Festival Sesi Música 2013. Foto: Divulgação/Fiesp

O palco da unidade Amoreiras, em Campinas, do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), conhece na noite deste sábado (26/10), a partir de 19h30, os vencedores do Festival Sesi Música 2013 – Edição São Paulo, concurso estadual direcionado aos trabalhadores da indústria paulista.

Os dez finalistas foram anunciados na véspera (25/10) por um júri composto por profissionais da área musical: Marco Antonio Vilalba, conhecido como Passoca; Ivan Vilela e Martina Marana. A noite teve ainda uma apresentação de Marcelo Jeneci para uma plateia de mais de 350 pessoas.

O festival, em sua quarta edição, contempla todos os gêneros da música brasileira. O objetivo é valorizar e difundir talentos, além de reforçar o papel da indústria na formação cultural dos trabalhadores. Serão premiados três participantes em cada categoria – “Composição Inédita” (letra e música) e “Interpretação” (música não inédita). Os três mais bem colocados em cada categoria recebem, respectivamente, prêmios de R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 2 mil.

A cerimônia de encerramento tem como principal atração um show do cantor e compositor Chico César. A decisão sai de uma comissão de jurados formada por Fernanda Porto, Maria Alcina e Paulo Padilha.

Os cinco finalistas na categoria “Composição Inédita”

-Wilson Alves com “Jogo de Criança”, Sabesp de Itapetininga;
-Aroldo Moreira com “Santa água”, Correios de Ribeirão Preto;
-Reinaldo Zambao, com “Prenda o Cão”, Correios de Piracicaba;
-Rui Junqueira com “Esse Cara é Seu”, Macom, de Campinas;
-Fernando Habu com “Os olhos do Mundo”, Hitachi de Itapetininga.

Os cinco finalistas na categoria “Interpretação”

– Elaine Cristina com “Sangrando”, FBA
-Gui Cavalcante e Fernando Costa com “Rara Calma”, Duratex
-Jota Carlos com “O tempo não Para”, Plastwal,
-Andreia Flauzino com “Como nossos pais”, Whiripool AS
-Carlos Morais com “Primavera”, Cruzeiro Papéis