Duas indústrias da área de TI devem instalar-se em SP, segundo secretário de Planejamento

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

Júlio Francisco Semeghini Neto, secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo

Em sua participação no IV Seminário de Telecomunicações da Fiesp, nesta terça-feira (25/09), o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Júlio Francisco Semeghini Neto, reconheceu na manhã desta terça-feira (25/09) que a indústria perdeu competitividade também no setor de telecomunicações, mas, em contrapartida, disse que o governo paulista está promovendo esforços para fortalecer a infraestrutura de empresas interessadas em fabricar produtos no Brasil.

“Recentemente, nesses últimos 30 dias, a gente conseguiu fazer com que se instalem [no estado de São Paulo] duas das maiores empresas também desse mercado fabricante de produto ligado à área de tecnologia da informação e comunicação. Não gostaria de citar nomes, mas foi uma grande luta”, afirmou Semeghini.

A afirmação foi feita logo após o pronunciamento do diretor-adjunto da divisão de Telecomunicações do Departamento de Infraestrutura (Deinfra) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Gomes Castelo Branco, que apresentou números da balança comercial do setor em 2011.

Fiesp discute futuro das telecomunicações no Brasil

Lucas Alves, Agência Indusnet Fiesp

Qual é o futuro das telecomunicações no Brasil? Encontrar resposta para esta complexa pergunta é o principal objetivo do IV Seminário de Telecomunicações que o Departamento de Infraestrutura (Deinfra) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) realizará na sede da entidade, na próxima terça-feira.

Carlos Cavalcanti, diretor-titular do Deinfra da Fiesp

“Vamos discutir a falta de infraestrutura e de investimentos em telecomunicações no Brasil, que acaba impactando também nos custos de produção da indústria”, afirma o diretor-titular do Deinfra, Carlos Cavalcanti. Ele explica que a edição deste ano terá um formato diferente em que os convidados debaterão entre si e com a plateia os temas escolhidos.

Na abertura do evento estão confirmadas as seguintes presenças: Paulo Skaf, presidente da Fiesp/Ciesp; Cezar Alvarez, secretário-executivo do Ministério das Comunicações; Humberto Barbato, presidente da Abinee; e Antonio Carlos Valente da Silva, diretor-presidente da Telebrasil.

O primeiro painel discutirá “Governança, segurança e neutralidade na internet”, com destaque para a discussão sobre a regulação da web: o Marco Civil da Internet no Brasil e o Tratado Global da Internet. Dele participam o presidente do Sinditelebrasil, Eduardo Levy Cardoso Moreira; o advogado e economista Renato Opice Blum; e o representante do Comitê Gestor da Internet no Brasil, Demi Getschko.

O segundo painel trará ao debate os gargalos do 3G e a implantação do 4G, com vistas aos grandes eventos esportivos que serão realizados no Brasil nos próximos anos. “Novas tecnologias, desafios e oportunidades na implementação do serviço móvel” será debatido pelo secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Maximiliano Salvadori Martinhão; pelo representante da GSM Association, Amadeu Castro Neto; e pelo presidente do grupo Telefonica no Brasil, Antonio Carlos Valente.

A terceira e última discussão se dará em torno da “Competitividade da Indústria Brasileira no setor de Telecomunicações: desoneração tributária e incentivos à produção nacional. Estão confirmadas as presenças de: Laerte Cleto, gerente de projetos do Departamento de Indústria, Ciência e Tecnologia do Ministério das Comunicações; Raul Antonio del Fiol, membro do Grupo de Empresas Nacionais de Tecnologia; e Eduardo Araújo, head da Nokia Siemens Network para América Latina.

Veja a programação completa no site do IV Seminário de Telecomunicações.

Serviço
4º Seminário de Telecomunicações da Fiesp
Data: terça-feira (25/09/12), das 8h30 às 18h
Local: Avenida Paulista,1313, São Paulo