Homem de La Mancha vence 7 categorias do Prêmio Bibi Ferreira

Agência Indusnet Fiesp

O musical O Homem de La Mancha, produzido pelo Sesi-SP e dirigido por Miguel Falabella, venceu na noite desta quarta-feira (14) sete categorias no Prêmio Bibi Ferreira, em cerimônia no Theatro Municipal de São Paulo.

O espetáculo, indicado para concorrer em 11 categorias, foi premiado como Melhor Musical (crítica e voto popular), enquanto Miguel Falabella levou o prêmio de Melhor Direção. O maestro Carlos Bauzys foi premiado na categoria Melhor Direção Musical, e a coreógrafa Kátia Barros trouxe o prêmio de Melhor Coreografia para o musical, que também ganhou em Melhor Figurino, por Cláudio Tovar, e Melhor Desenho e Luz, por Drika Matheus.

Releitura de Miguel Falabella da obra Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes, o musical ficou em cartaz no Teatro Sesi-SP até junho deste ano. A montagem também recebeu o Prêmio APCA de Melhor Espetáculo e de Melhor Ator, para Cleto Baccic, Melhor Musical do Guia da Folha, segundo o Júri Técnico 2014, e o 3º Prêmio Aplausos Brasil de Teatro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539810948

O musical O Homem de La Mancha em sua última apresentação no Teatro do Sesi-SP. Foto: Everton Amaro/Fiesp


Making of: “O Homem de La Mancha” já foi visto por mais 100 mil espectadores

Agência Indusnet Fiesp, 

Adaptação de Miguel Falabella, o musical “O Homem de La Mancha” superou a marca dos 100 mil espectadores. O espetáculo é o segundo realizado pelo Projeto Educacional do Sesi-SP em Teatro Musical, lançado em 2013.

Falabella transpôs a história original da peça Man of La Mancha, de Dale Wasserman, ao cotidiano brasileiro. Da Inquisição Espanhola para um hospício brasileiro dos anos 50. É nesse novo ambiente que o ator e diretor vai buscar inspiração para os cenários e figurinos, compostos por elementos das obras do artista plástico Arthur Bispo do Rosário, um dos internos da Colônia Juliano Moreira, no Rio de Janeiro.

A produção é composta por 120 pessoas trabalhando em cada sessão. Além dos 35 atores e 16 músicos, está envolvida também uma equipe técnica formada por 69 profissionais.

O espetáculo apresenta 27 números musicais, dentre os quais está a música “O Sonho Impossível”, um dos maiores ícones da história do teatro musical. O cenário é uma estrutura metálica coberta por 800 metros quadrados de tecido pintado à mão pelo artista cenográfico francês Vincent Guilmoto. Seu peso total chega a 9 toneladas.

Veja making of de “O Homem de La Mancha”:

O Homem de La Mancha alcança 100 mil espectadores neste sábado

Raisa Scandovieri, Agência Indusnet Fiesp

O musical O Homem de La Mancha, vencedor do prêmio de melhor espetáculo teatral pela Associação Paulista de Críticos de Artes de 2014, alcança a marca de 100 mil espectadores neste sábado (30/4), na sessão das 21h.

Para celebrar esse marco, a equipe envolvida na produção deve lançar a campanha Obrigado, São Paulo! Somos 100 mil sonhadores! como parte das comemorações.

Realizada pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e pelo Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), e produzida pelo Atelier de Cultura, a montagem fica em cartaz até 28 de junho de 2015. As entradas são gratuitas.

O Sesi-SP investiu R$ 17 milhões na produção do espetáculo. “A Fiesp e o Sesi têm orgulho em promover a cultura, levar a milhares de pessoas os mais diversos tipos de arte. O teatro musical é parte importante da cultura para todos os cidadãos. Hoje ele é um grande sucesso e o público faz parte dessa comemoração”, diz Paulo Skaf, presidente das instituições.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1539810948

Guilherme Sant'Anna como Bispo do Rosário em O Homem de La Mancha. Foto: Beto Moussalli/Fiesp

O projeto da adaptação desenvolvido por Miguel Falabella transpôs a história original da peça Man of La Mancha, de Dale Wasserman, ao cotidiano brasileiro. Da Inquisição Espanhola para um hospício brasileiro dos anos 50. É nesse novo ambiente que Falabella vai buscar inspiração para os cenários e figurinos, compostos por elementos das obras do artista plástico Arthur Bispo do Rosário, um dos internos da Colônia Juliano Moreira, no Rio de Janeiro.

O Homem de La Mancha é o segundo espetáculo musical realizado pelo Projeto Educacional do Sesi-SP em Teatro Musical, lançado em 2013. O primeiro foi A Madrinha Embriagada, ganhador dos prêmios Bibi Ferreira 2014 pelo júri popular, como melhor espetáculo, e Aplauso Brasil 2013, como melhor musical, dentre outros.

Sobre o Homem de La Mancha

A produção em cartaz no Sesi-SP é composta por 120 pessoas trabalhando em cada sessão. Além dos 35 atores e 16 músicos, está envolvida também uma equipe técnica formada por 69 profissionais.

O espetáculo apresenta 27 números musicais, dentre os quais está a música “O Sonho Impossível”, um dos maiores ícones da história do teatro musical.

O cenário é uma estrutura metálica coberta por 800 metros quadrados de tecido pintado à mão pelo artista cenográfico francês Vincent Guilmoto. Seu peso total chega a 9 toneladas.

A peça já soma 380 horas em cena. Em sua preparação, o elenco ensaiou por 480 horas, em 10 semanas. São usados 185 figurinos no total, e o elenco já realizou mais de 40 mil trocas de figurino.

Além do título de melhor peça de 2014, a APCA também concedeu ao ator Cleto Baccic, que interpreta os papéis de Miguel de Cervantes e Dom Quixote de La Mancha, o prêmio de Melhor Ator. A peça também recebeu os prêmios de Melhor Musical pelo Júri de Críticos da Folha de São Paulo e Prêmio Aplauso Brasil, também como melhor musical.

A reserva dos ingressos pode ser feita pelo portal Sesi-SP duas vezes por mês, nos dias 10 e 25. Para aqueles que não conseguirem, ainda são reservados 50 ingressos por sessão, que são distribuídos ao público na bilheteria do Teatro nos dias das sessões, além dos ingressos remanescentes. Até o momento, praticamente todas as sessões estiveram lotadas.

Serviço:
O Homem de La Mancha
Local: Teatro do SESI-SP – av. Paulista, 1313 (em frente à estação Trianon-Masp do Metrô)
Quando: Até 28/06 – Quarta a sexta às 21h | Sábados às 17h e 21h | Domingos às19h
Sessões exclusivas para escolas toda quinta-feira às 15h
Os ingressos são gratuitos – reservas antecipadas: http://www.sesisp.org.br/meu-sesi

Espetáculo O Homem de La Mancha completa 200 apresentações

Raisa Scandovieri, Agência Indusnet Fiesp

Produção do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), O Homem de La Mancha completa sua 200ª apresentação na noite desta quarta-feira (15/4), atingindo mais de 90 mil espectadores até o momento. O musical é uma releitura de Miguel Falabella da obra Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes.

A montagem recebeu o Prêmio APCA de Melhor Espetáculo e de Melhor Ator para Cleto Baccic, Melhor Musical do Guia da Folha segundo Júri Técnico 2014 e o 3º Prêmio Aplausos Brasil de Teatro.

A reserva de ingressos pode ser feita pela página www.sesisp.org.br/meu-sesi. Os ingressos remanescentes são distribuídos nos dias do espetáculo, a partir do horário de abertura da bilheteria (de quarta-feira a sábado, das 13h às 21h, e aos domingos, das 11h às 19h30).

O Homem de La Mancha fica em cartaz no Teatro do Sesi-SP até 28 de junho.

Clique aqui para mais informações.

Serviço
O Homem de La Mancha
Teatro do Sesi-SP – Avenida Paulista, 1313
Quarta a sexta-feira às 21h | Sábados às 17h e 21h | Domingos às19h
Sessões exclusivas para escolas toda quinta-feira às 15h
Os ingressos são gratuitos – reservas antecipadas: http://www.sesisp.org.br/meu-sesi

Homem de La Mancha vence Prêmio APCA de Melhor Espetáculo

Agência Indusnet Fiesp,

Uma realização do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), o musical Homem de La Mancha venceu o Prêmio APCA de Melhor Espetáculo. A cerimônia de entrega do prêmio aconteceu na semana passada, 17 de março.

Cleto Baccic faturou o prêmio de Melhor Ator por seu trabalho como protagonista da releitura de Miguel Falabella.

A adaptação da obra Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes, fica em cartaz no Teatro Sesi-SP até 28 de junho deste ano. As exibições são gratuitas e os ingressos podem reservados pelo site www.sesisp.org.br/meu-sesi.  Os ingressos remanescentes são distribuídos nos dias do espetáculo, a partir do horário de abertura da bilheteria (de quarta a sábado, das 13h às 21h, e aos domingos, das 11h às 19h).

Serviço
Quarta-feira e sexta-feira, às 21h
Quinta-feira às 15h (agendamento escolar) e 21h
Sábado às 17h e 21h
Domingos às 19h

Homem de La Mancha e Leonardo Da Vinci têm entrada alterada neste domingo

Agência Indusnet Fiesp,

Por conta das manifestações marcadas para este domingo (15/3) na Avenida Paulista, a entrada para as atrações ‘Expo Leonardo Da Vinci: A Natureza da Invenção” e ‘O Homem de La Mancha’ será pela Alameda Santos, 1336. Não haverá exibição do espetáculo ‘Maldito Benefício’ no mezanino do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP).


‘O Homem de La Mancha’ vence em duas categorias no Prêmio APCA

Agência Indusnet Fiesp

O espetáculo “O Homem de La Mancha”, em cartaz no Teatro do Sesi-SP, venceu as duas categorias no Prêmio da Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA), divulgado nesta segunda-feira (01/12). O musical foi eleito melhor espetáculo (ao lado de “Pessoas Perfeitas”) e melhor ator, com o protagonista Cleto Baccic.

É a 59ª do Prêmio da APCA, que premia anualmente as melhores produções do ano e é considerado um dos mais importantes do teatro brasileiro e das artes em geral. A cerimônia de premiação será realizada no começo de 2015, mas a data ainda não foi definida.

‘O Homem De La Mancha’ comemora os 50 anos do Teatro do Sesi-SP

Agência Indusnet Fiesp

O Teatro do Sesi-SP apresenta a partir de 13 de setembro, às 21 horas, o musical O Homem De La Mancha, com versão e direção de Miguel Falabella, texto original de Dale Wasserman, músicas de Mitch Leigh e letras de Joe Darion.O espetáculo é uma produção do Atelier de Cultura e integra a programação especial dos 50 anos do teatro da entidade, um dos marcos culturais da avenida Paulista. Os ingressos são gratuitos.

“Meu Quixote é brasileiro! Assim, a tênue fronteira entre a loucura e o sonho impossível encontra a inspiração ideal na história e na arte de Arthur Bispo do Rosário”, antecipa Falabella sobre sua montagem.

Na sequência de A Madrinha Embriagada (Melhor Musical – Prêmio Aplauso Brasil 2013 e dez indicações ao Prêmio Bibi Ferreira 2014), espetáculo assistido por mais de 150 mil pessoas em temporada de 11 meses, Miguel Falabella oferece uma encenação original e surpreendente, 42 anos após a primeira temporada brasileira de O Homem de La Manchadirigida por Flávio Rangel, em 1972.

Inspiração brasileira

Miguel Falabella inspirou-se em Bispo do Rosário para caracterizar o Governador (no texto original um preso da Inquisição que comanda os outros presos), interpretado por Guilherme Santana (ganhador do prêmio Shell de Melhor Ator em 2012), ambientando a trama de seu O Homem de La Mancha em um manicômio brasileiro do final dos anos 30.

O marinheiro sergipano Bispo do Rosário foi internado na Colônia Juliano Moreira, no Rio de Janeiro, em 1938, e lá permaneceu por 50 anos, até sua morte, em 1988. Poucos anos antes, algumas pessoas tiveram acesso à sua arte. Autodidata, jamais se considerou um artista plástico. A primeira exposição de sua obra foi organizada por Lígia Clark, em 1989. Bispo tinha uma missão: apresentar a Deus o mundo e suas coisas, no dia do Juízo Final. Produziu bordados de imagens e de escritos, mumificou objetos com linhas azuis descoloridas, construiu inúmeros painéis de seriação de objetos do cotidiano, em composições abstratas.

Sua obra encontra-se intacta, sob a curadoria do Museu de Arte Contemporânea Arthur Bispo do Rosário, na Colônia Juliano Moreira. Dezenas de exposições no Brasil e no mundo já exibiram sua extensa produção, destacando-se o Gugenhein Museum, de Nova Iorque, o Victoria and Albert Museum, em Londres, a Bienalle di Venezia, na Itália e a Bienal de São Paulo. Seu trabalho, frequentemente comparado a Marcel Duchamp e Andy Warhol, é considerado um dos pilares da arte contemporânea brasileira, e seus traços podem ser observados na produção de diversos artistas plásticos da atualidade.

Sinopse do musical

Um manicômio brasileiro no final dos anos 30. Um paciente é anunciado para internação. Apresenta-se como Miguel de Cervantes, poeta, ator de teatro e coletor de impostos. Chega na companhia de seu criado, Sancho.

Ele é abordado pelo Governador, louco que comanda os internos do hospital.  O grupo ataca seus pertences e lhe subtraem suas poucas posses. Cervantes se preocupa apenas com um manuscrito, que é arremessado entre eles.  Para dar a Cervantes a oportunidade de reaver seu manuscrito, o Governador instala um julgamento.

O Duque faz a acusação. Cervantes organiza sua defesa convidando os loucos a encenarem com ele uma peça de teatro.

É a história de D. Alonso Quijana, um velho fazendeiro aposentado, ávido leitor, desgostoso com os maus-tratos dos homens para com seus semelhantes. Melancólico com as injustiças do mundo e tomado pela loucura, imagina ser D. Quixote Senhor de La Mancha, um Cavaleiro Errante, atrás de aventuras que lhe permitam combater o mal, assistir os indefesos e praticar o bem.

Serviço

O Homem De La Mancha
Local: 
Teatro do Sesi-SP (456 lugares) – Avenida Paulista, 1313 – Bela Vista
Estreia: 13 de setembro
Temporada até 21 de dezembro
Recomendação: 10 anos
Duração: 1h45 minutos
Informações: (11) 3146-7405/7406

Entrada gratuita

Ingressos gratuitos reservados online pelo site www.sesisp.org.br/meu-sesi de 15 em 15 dias a partir do dia 25 de agosto.

Apresentações entre dias 1º e 15, publicação na internet dia 25 do mês anterior.
Apresentações entre dias 16 e 31, publicação na internet dia 10 do mesmo mês.

Serão distribuídos 50 ingressos por sessão na bilheteria, no dia do espetáculo, a partir do horário de abertura da bilheteria.

Horário da bilheteria: quarta a sábado, das 13h às 21h; domingo, das 11h às 19h. Quarta a sexta às 21h; sábado às 17h e 21h e domingo às 19h.