Senai-SP é premiado na França por formação profissional e inovação

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de São Paulo (Senai-SP) recebeu o prêmio internacional Hermès de l’Innovation 2014  pelo Instituto Europeu de Estratégias Criativas e de Inovação e pelo Clube de Paris de Diretores de Inovação na França.

A entidade foi contemplada na categoria “Melhoria nas Relações entre Pessoas e Trabalho” por seu trabalho de formação profissional. Dos  4 milhões de profissionais capacitados no Brasil em um ano, ao menos 1 milhão foram treinados pelo Senai de São Paulo.

O professor Osvaldo Maia, gerente de Inovação e Tecnologia do Senai-SP, recebeu o prêmio. Segundo ele, o trabalho do Senai  ficou conhecido entre os franceses por conta de  uma apresentação feita por ele na Casa Brasil-França no ano passado, em São Paulo. “É uma ação importante de reconhecimento do trabalho que as escolas estão fazendo pela inovação”, diz Maia.

A cerimônia de premiação em Paris: trabalho de formação reconhecido. Foto: Divulgação

A cerimônia de premiação em Paris: trabalho de formação reconhecido. Foto: Divulgação


Para ele, o reconhecimento internacional “é muito mais que uma questão de quantidade de matrículas, mas de qualidade de formação profissional que leva em conta aspectos inovadores”.

Há uma semana, o Senai recebeu o prêmio Hermès em um auditório com ao menos 400 especialistas em inovação de importantes grupos e instituições da Europa, dos Estados Unidos e da Ásia.

Em sua quinta edição, o prêmio Hermès destacou iniciativas inovadoras em oito categorias, entre elas a “Melhoria da Condição Humana”, “Melhoria das Relações Humanas”, “Melhoria da Vida na Cidade” e “Melhoria da Relação Sustentável entre Humanos e Natureza”.

A Prefeitura de Curitiba venceu a categoria “Melhoria da Vida na Cidade” por seus projetos de inovação em urbanismo.