Acelera Startup: corporate venture é um bom mecanismos de investimento em inovação

Guilherme Abati, Agência Indusnet Fiesp

Os fundos de investimento em startups, os chamados Corporate Ventures, representam uma das ferramentas mais eficazes para fomentar a inovação, asseguram especialistas como Karine Alves, da Tovts, e Guilherme Montovan, da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).

Ambos participaram da quinta edição do Acelera Startup, na manhã desta quarta-feira (12/11), realização do Comitê de Jovens Empreendedores (CJE) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Para especialistas, corporate venture é uma boa alternativa para trazer inovação para empresas líderes de mercado

Para especialistas, corporate venture é uma boa alternativa para trazer inovação para empresas líderes de mercado. Foto: Tâmna Waqued/Fiesp

Para eles, os corporate ventures trazem expertise e rede de relacionamentos às empresas líderes de seus mercados.

Segundo Karine Alves, corporate venture é todo investimento de venture capital realizado por uma empresa líder em startups que atuam em seu próprio nicho mercadológico. “É um mecanismo maduro de investimento em inovação. O desenvolvimento do ambiente de inovação é saudável para os mercados e para as empresas atuantes”, explicou.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540274229

Karine Alves, da Totvs: startups ampliam mercado potencial e são vetor de investimento e inovação. Foto: Tâmna Waqued/Fiesp

Para ela, faz sentido investir em startups. “Elas ampliam muito o mercado potencial, e têm posição importante como vetor de investimento e inovação. Acreditamos nas ideias e nas pessoas, damos muita liberdade e autonomia aos criadores e empreendedores. Queremos respirar esse ar de inovação e possibilitar sinergia.”

Karine aponta educação e saúde como setores que devem continuar a ser impactados positivamente por investimentos.

Na visão de Guilherme Montovan, da Finep, o corporate venture cria um ambiente em que empresas investem em startups do próprio setor. “Facilita e faz com que a empresa esteja próxima da inovação e atenta a possíveis ameaças de concorrentes.”

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540274229

Guilherme Montovan, da Finep: “Empresas que decidem realizar esse tipo de investimento tendem a ter mais sucesso em seus negócios”. Foto: Tâmna Waqued/Fiesp

Para Montovan, que listou as linhas de investimento e fundos que a Finep disponibiliza para empresas e startups, é necessário aumentar a parcela de investimento privado em inovação e tecnologia. Para isso, o corporate venture é uma das melhores ferramentas.

“Empresas que decidem realizar esse tipo de investimento tendem a ter mais sucesso em seus negócios”, explicou o representante da Finep.

“A Finep procura fomentar esse tipo de relacionamento.”