Segurança em edificações: Grupo de Trabalho da Fiesp discute agenda para 2015

Alice Assunção, Agência Indusnet Fiesp

Iniciativa do Departamento da Indústria da Construção (Deconcic) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o Grupo de Trabalho (GT) Segurança em Edificações fez uma reunião na manhã desta quinta-feira (27/11) para discutir as ações da equipe para 2015.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1540166887

Em 2015, Departamento da Indústria da Construção da Fiesp vai lançar campanha de conscientização sobre a importância de aumentar a segurança em edificações, Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


A intenção do grupo é estimular uma lei federal que garanta inspeção técnica periódica em edificações com mais de 15 anos.  Uma legislação mais efetiva, na visão do coordenador Valdemir Romero, tende a minimizar riscos de incêndio, uma vez que todos os sistemas de uma edificação seriam fiscalizados com mais rigor.

“Em 2015 vamos colocar efetivamente nossa campanha de conscientização, que vai atingir a área política para nos ajudar nesses projetos de lei. Também vamos investir na conscientização da sociedade”, afirmou Romero.

Outra frente em que o grupo deve concentrar forças em 2015 é a da qualificação de mão de obra para atender à demanda por inspeções em edificações. De acordo com o coordenador do GT, com a criação e implementação da lei, o setor de construção vai precisar de profissionais qualificados.

“Precisamos evoluir na questão da mão de obra dentro desse universo de inspeções periódicas. Sabemos que vamos precisar de mão de obra qualificada uma vez que a lei acontecer”, complementou.

PLC 31

Ainda no âmbito das inspeções em prédios, o grupo também discutiu o aprimoramento do Projeto de Lei da Câmara número 31, o PLC 31, que dispõe sobre a obrigatoriedade de vistorias periciais e manutenções periódicas em edifícios.

O grupo de trabalho da Fiesp chegou à conclusão de que é necessário um posicionamento conjunto das entidades do setor de construção civil sobre algumas distorções identificadas no projeto.