Prefeito de Indianápolis vem à Fiesp discutir manutenção do etanol na F-Indy

Na segunda-feira (27), o prefeito da cidade norte-americana de Indianápolis, Gregory Ballard, estará na Fiesp, a partir das 14h, com um grupo de empresários para discutir a manutenção do uso do etanol como combustível oficial dos carros da competição da Fórmula Indy.

A delegação estará no Brasil cumprindo agenda de negócios em função da forte relação empresarial que existe entre a cidade de Indianápolis e o Brasil. Desde 1996, a Fórmula Indy – categoria automobilística com origem em Indianápolis – adotou a adição de 10% de etanol combustível em todos os carros da competição.

Em 2007, o percentual foi elevado para 100% e, a partir de 2009, a Unica e a Apex-Brasil passaram a oferecer o etanol brasileiro à base de cana-de-açúcar para toda a competição.


Fórmula Indy no Brasil

Com o êxito da parceria entre Unica e Apex – que possibilitou aos empresários brasileiros venderem apenas neste ano US$ 263 milhões para as equipes da fórmula Indy – os organizadores da competição discutem a possibilidade de realizar, em 2010, uma ou duas de suas corridas no Brasil.

As cidades até agora cogitadas para o evento no Estado de São Paulo, são Campinas e Ribeirão Preto. Rio de Janeiro e Salvador também estão na disputa. Estima-se que o evento poderá gerar aproximadamente US$ 40 milhões em investimentos à cidade escolhida.

O Prefeito visitará as cidades do Rio de Janeiro e Campinas, além de São Paulo, onde se encontrará com empresas e Associações com o objetivo de aprofundar o crescente relacionamento comercial com o Brasil.