Crescimento inclusivo do Brasil será tema da 6ª Cúpula dos Brics

Guilherme Abati, Agência Indusnet Fiesp

As características, a evolução e os desafios das economias do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – grupo de países que forma o chamado Brics – foram tema da palestra do ministro Flavio Soares Damico, diretor do Departamento de Mecanismos inter-regionais do Ministério das Relações Exteriores.

Ele foi o convidado da reunião do Conselho Superior de Comércio Exterior (Coscex) desta terça-feira (10/06),  realizada na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Segundo o ministro, a tendência é  de que as economias entre os países desenvolvidos e os Brics continuem a se estreitar. A soma do PIB dos países que formam o Brics se aproxima rapidamente do PIB dos Estados Unidos. “Hoje, o PIB dos Brics já representa 94% do produto interno norte-americano”, informou Damico.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544826676

Damico: questão de tempo para a China ter o maior PIB do mundo. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Além do crescimento da participação dos Brics no Produto Interno Bruto (PIB) global, Damico ressaltou que é “apenas uma questão de tempo para que a China torne-se o maior PIB do mundo”.  Em 2012, a economia chinesa tornou-se maior que a soma das outras economias dos Brics, correspondendo a 55% do total.

A China é parceira irremediável do Brasil, e, segundo Damico, continuará a crescer, mesmo passando por reformas econômicas internas.

O ministro também analisou a evolução do comércio entre os países que formam o bloco. “Por serem economias complementares, o comércio entre as nações passou de US$ 27,7 bilhões, em 2002, para US$ 266,1 bilhões em 2013”.

6ª Cúpula dos Brics

Em sua participação Damico ainda chamou atenção para os principais temas que serão tratados na 6ª Cúpula dos Brics, a ser realizada nas cidades de Brasília e Fortaleza, nos dias 15 e 16 de julho. O crescimento inclusivo será um dos principais pilares do encontro, segundo o ministro.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1544826676

A reunião do Coscex: impacto positivo do crescimento econômico dos Brics. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp


“Na cúpula estará em pauta o impacto positivo do crescimento econômico dos países em relação à mitigação da pobreza, devido, principalmente, às políticas de inclusão social na Índia e no Brasil”, encerrou Damico.