Sesi-SP está pronto para a final da Superliga 2010/2011

Agência Indusnet Fiesp (com informações de Photo&Grafia Comunicação – B elo Horizonte, MG)

Finalista da Superliga 2010/2011, time do Sesi-SP posa para foto com alunos da entidade da indústria paulista

O Sesi-SP chega ao grande momento da temporada 2010/2011. Depois de ter a melhor campanha em toda a fase classificatória, a equipe fará, neste domingo (24), a final do campeonato considerado o mais equilibrado da história. O adversário será o Sada Cruzeiro Vôlei e o confronto será às 10h, no Mineirinho, com transmissão ao vivo da TV Globo, SporTV e Esporte Interativo.

O time da indústria paulista conta com os experientes Murilo e Serginho, que ainda não têm nenhum título de Superliga no currículo, e com o tricampeão Thiago Alves. Aos 24 anos, o ponta do Sesi-SP esteve nas últimas três finais e saiu de todas com a medalha de ouro enquanto defendeu a equipe do Cimed, de Florianópolis. Agora, espera repetir o resultado.

“Estou em outra cidade, outro time, em nova estrutura e isso faz com que toda a situação mude também. Procuro não pensar muito no fato de que amanhã posso conquistar mais um título de Superliga. O único pensamento é ajudar o meu time a conseguir esse resultado. Em segundo plano, claro, quero ser tetracampeão”, afirmou Thiago Alves.

O jogador ainda ressalta que o grande objetivo do time está parcialmente alcançado. “A equipe do Sesi-SP pretendia estar entre os quatro melhores do campeonato e chegamos à final. Agora, o objetivo é conquistar esse título inédito para muitos jogadores e, também, para a equipe”, assegurou Thiago Alves.

Moral elevado

Sem título no campeonato nacional, mas com o moral elevado por chegar à final como maior pontuador, o oposto Wallace garante que o destaque pessoal é secundário. “O interesse total é ser campeão da Superliga com o Sesi-SP. Terminar como maior pontuador é consequência, já que eu não tive isso como meta em momento nenhum. Todo esse processo foi acontecendo naturalmente”, explicou Wallace, de 28 anos.

A naturalidade com que lida com a situação é justificada. Afinal, nos quatro últimos anos, na Argentina, Wallace foi tetracampeão, eleito melhor jogador e maior pontuador em duas temporadas e melhor atacante em quatro. “Ser destaque no nosso país é muito melhor. É mais gratificante.”

Poder contar com um tricampeão, com o maior pontuador do campeonato e com todo o grupo que forma o time do Sesi-SP é motivo de orgulho para o técnico Giovane. Ele garantiu que depois do último treino deste sábado (23) de manhã, no Mineirinho, quando concluiu o planejamento de preparação, o time está pronto para a final.

Qualidade do campeonato

“Esse último treino é mais leve, mas ficou nítido que todos estão preparados. As lesões foram tratadas e fiquei satisfeito por ver que estamos no ponto ideal para entrar nessa final”, disse Giovane, que destacou a qualidade da Superliga 2010/2011.

“A cada temporada o nível do campeonato vem crescendo e nunca tivemos oito equipes tão equilibradas como as que se classificaram. Acredito que isso dá mais mérito para nossa equipe, pois foi difícil. E tudo que é mais difícil é mais gostoso”, brincou Giovane.

Leia mais:

Acompanhe todas as notícias do Sesi-SP na Superliga Masculina de Voleibol

Veja aqui a galeria de fotos

Torcida do Sesi-SP agitará arquibancadas do ginásio do Mineirinho na final da Superliga

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Sidão (esq.) e Giovane agradecem a torcida do Sesi-SP pelo apoio nos jogos do principal torneio do vôlei brasileiro

Ginásio do Mineirinho, palco da grande final da Superliga Masculina de Voleibol. Para prestigiar a equipe do Sesi-SP, finalista da competição, cerca de 320 torcedores viajam nesta sexta-feira (23), para Minas Gerais.

O Sesi-SP disponibilizará oito ônibus para os alunos, funcionários da instituição e torcedores da equipe da indústria. O transporte estará disponível em seis cidades do estado de São Paulo: Campinas, Capital, Osasco, São José dos Campos, Sorocaba e Tatuí.

Além disso, a equipe da indústria contará com o apoio de 1.200 estudantes de unidades do Sesi-MG.

O percurso, estimado em 586 km, não será empecilho para os torcedores, como Kátia Alves de Lima. “Eu fui a quase todos os jogos do Sesi-SP no ginásio da Vila Leopoldina e não poderia deixar de acompanhar a minha equipe na fase final da Superliga”.

Cansaço? Essa palavra não faz parte do dicionário da torcida do Sesi-SP. Do que depender da torcida, a viagem de volta será repleta de comemorações pela conquista do título, inédito, da Superliga Masculina de Voleibol.

“A volta será uma grande festa. Vamos comemorar muito durante todo o trajeto”, afirma a torcedora.

Leia mais:

Acompanhe todas as notícias do Sesi-SP na Superliga Masculina de Voleibol

Com campanha impecável, Sesi-SP luta pela conquista, inédita, do título da Superliga

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp 

Trinta e três jogos e vinte e nove vitórias. Essa é a trajetória do Sesi-SP na Superliga Masculina de Voleibol 2010/2011. Neste domingo (24), a equipe da indústria entra em quadra, no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte, às 10h, contra o Sada Cruzeiro. Partida terá transmissão, ao vivo, pelos canais Rede Globo, Sportv e Esporte Interativo.

Com a melhor campanha da fase classificatória, a jovem equipe do Sesi-SP, criada há pouco mais de dois anos, conquistou destaque no cenário do vôlei nacional, graças à regularidade do time e a técnica dos jogadores em quadra.

O bicampeão olímpico, Giovane Gávio, técnico da equipe da indústria, conta com um elenco composto pelos principais nomes do voleibol brasileiro da atualidade, como os jogadores Murilo – eleito o melhor atleta do Mundial de Voleibol (2010) e atleta do ano (2010) – , Serginho, Thiago Alves, Sidão, Sandro e Wallace, o maior pontuador da Superliga, com 546 pontos.

Durante o torneio, a equipe da indústria se destacou em vários fundamentos, como saque, bloqueio, defesa, levantamento e ataque. “Tivemos um desempenho excelente na fase de classificação, perdemos apenas três partidas e derrotamos dois times muito fortes nos playoffs”, analisa o treinador da equipe do Sesi-SP.

“Trabalhamos muito para chegar à final, todos estão de parabéns e ainda falta mais uma etapa para que a gente consiga o nosso objetivo maior, que é o título. E vai ser o obstáculo mais difícil, mas estamos preparados”, completa.

Leia mais:

Acompanhe todas as notícias do Sesi-SP na Superliga Masculina de Voleibol

Sesi-SP está na grande final da Superliga de Vôlei

Flávia Dias, Agência Indusnet Fiesp

Duas equipes e um sonho: a conquista, inédita, do título da Superliga  Masculina de Voleibol. Dos 15 times que iniciaram a competição, os finalistas Sesi-SP e Sada Cruzeiro garantiram, pela primeira vez, uma vaga para disputa da final do campeonato nacional, considerado um dos torneios de voleibol mais fortes e equilibrados do mundo.

Emoção e garra, certamente, não faltarão neste duelo que acontecerá domingo (24), às 10h, no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte. Partida terá transmissão, ao vivo, pelos canais Rede Globo, Sportv e Esporte Interativo. Já os internautas podem conferir os principais lances do jogo no Twitter do Sesi Esporte.

Melhor time da fase classificatória, o Sesi-SP venceu a equipe mineira nos dois confrontos da primeira etapa do campeonato, pelo placar de 3 sets a 2 e 3 sets a 1, respectivamente.

“O Sada é uma equipe forte, que chegou à final com méritos, batendo dois times de altíssimo nível, como Pinheiros e Vôlei Futuro, jogando um vôlei de qualidade, com muito volume. É um adversário perigoso, que merece o nosso respeito”, disse o técnico Giovane Gávio.

O técnico do Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez, enfatizou a qualidade técnica da equipe do Sesi-SP e o desafio de enfrentar atletas que compõem a base da seleção brasileira:

“O Sesi é uma equipe fantástica. Tem jogadores estrangeiros, campeões olímpicos e mundiais. Acho que vai ser um jogo igual. A base da Seleção Brasileira vai estar em quadra. Quem quiser vencer o jogo vai ter que suar muito”, afirmou o treinador.

Ingressos

Estão esgotadas as entradas para final da Superliga Masculina de Voleibol. O jogo será realizado no dia 24 de abril, às 10h, no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte, com transmissão ao vivo pelos canais Rede Globo, SporTV e Esporte Interativo.

Leia mais:

Acompanhe todas as notícias do Sesi-SP na Superliga Masculina de Voleibol